header top bar

section content

Empresária fica com o rosto deformado após ser jogada da sacada pelo próprio marido

A mulher disse que ainda sente medo, pois mesmo preso, seu marido ainda a ameaça

Por

09/09/2015 às 07h46

Um caso chocou a cidade de Goiânia: a empresária Hallyne Netto ficou com o rosto deformado ao ser jogada da sacada do apartamento onde vivia pelo próprio marido após uma briga.

Hallyne caiu de uma altura de cerca de sete metros e precisou ficar 14 dias internadas para se recuperar. Ao todo, foram colocadas 20 placas de platina na face da empresária, que ainda não mexe o lado direito do rosto.

O acusado de cometer essa barbaridade é Joãozinho Pereira, que está preso. Sossego? Nem tanto. Como ele conseguiu fazer uma ligação telefônica para Hallyne mesmo atrás das grades, ela teme que o ex também possa mandar alguém machucá-la ainda mais ou até matá-la.

Essa não é a primeira história de violência no casal. Joãozinho sempre teve comportamento agressivo e já a havia agredido outras vezes. 

— Na época ele devia uma quantia pra minha mãe e disse que não iria pagar se fizesse a denúncia. Então, não fiz nada.

R7

Tags:
AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Colunista comenta por que Rodrigo Maia se tornou o ‘queridinho’ de Bolsonaro e de deputados da PB