header top bar

section content

PRF descobre causa do acidente que matou enfermeira do hospital de Sousa. Veja laudo

O acidente ocorreu no dia 03 de fevereiro deste ano, na BR 230, entre as cidades de Pombal e Aparecida

Por

03/03/2015 às 16h50

A Polícia Rodoviária Federal da Paraíba divulgou nesta terça-feira (03) o laudo do acidente que matou a enfermeira Flávia Fernandes, 32 anos. O acidente ocorreu no início do mês de fevereiro e deixou gravemente ferido o condutor do outro veículo, Carlos Alberto Lima Sarmento, 30 anos que foi apontado como “culpado” por trafegar no sentido contrário na hora do sinistro.

Entretanto, o laudo da PRF verificou através de vestígios que, o Fiat Siena (conduzido por Carlos), seguia em fluxo, no sentido Sousa a Pombal quando o Celta (conduzido por Flávia), que vinha no sentido Pombal para Sousa, perdeu o controle, invadiu a faixa contrária e colidiu frontalmente com o Siena. 

Ao ser divulgado o laudo da PRF, a esposa de Carlos, Juliana Gonçalves, postou um desabafo em uma rede social para aqueles que, segundo ela, “apontaram o dedo” contra seu esposo na época do acidente. 

O acidente ocorreu no dia 03 de fevereiro deste ano, na BR 230, entre as cidades de Pombal e Aparecida, próximo ao contorno que dá acesso ao município de São Domingos de Pombal. Flávia, além de trabalhar no Samu de Pombal, também era funcionária do Hospital Regional de Sousa (HRS).

Veja imagens do laudo da PRF:

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

ENTRE PÚBLICO E PRIVADO

VÍDEO: Empresário revela que quase foi candidato a prefeito de Cajazeiras e explica por que recusou

VÍDEO

Sindicatos batem martelo e definem novo salário dos comerciários de Cajazeiras para 2019-2020

POLÊMICA

Único vereador favorável ao projeto do prefeito para acabar com feriados em Itaporanga justifica voto

CASO RARO

VÍDEO: Mãe dos Trigêmeos nascidos em Cajazeiras fala da surpresa do parto e escolha dos nomes dos bebês