header top bar

section content

Motoristas formam filas nos postos de combustíveis por medo de desabastecimento no interior da PB

Não vai haver desabastecimento no estado, diz o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo da Paraíba, Omar Hamad.

Por Juliana Santos

19/11/2020 às 12h03

Filas se formaram nos municípios de Campina Grande, Lagoa Seca e Puxinanã. (Foto: Wellignton Farias)

Após informação divulgada pelo presidente do Sindicato dos Revendedores de Combustíveis (Sindrev), Bruno Agra, nessa quarta-feira (18), os motorista da cidade de Campina Grande, no Agreste paraibano e de outros municípios da região, formaram filas em postos de combustíveis.

Até na manhã desta quinta-feira (19), foram registradas filas de carros em postos de combustíveis nas cidade de Campina Grande, Lagoa Seca e Puxinanã, mesmo o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado (Sindpetro) garantir que não vai haver desabastecimento no estado.

De acordo com a nota publicada pelo Sindicato de Revendedores, aconteceu um atraso na entrega de combustíveis em alguns estados do Nordeste, entre eles, a Paraíba.

VEJA TAMBÉM

Motorista morre após caminhão de transporte de combustíveis tombar na BR-116, em Cachoeira dos Índios

O Sindpetro também publicou uma nota para esclarecer o problema ocorrido. De acordo com a nota houve um problema pontual de logística de algumas distribuidoras e que o fluxo de distribuição deve ficar irregular, afetando assim, postos de bandeira branca, que são postos que adquirirem combustível de qualquer distribuidora, porque não tem contrato de exclusividade com uma determinada companhia.

O presidente do Sindpetro, Omar Hamad, esclareceu que o problema na logística foi sobre um atraso de um navio. “Conversei com as bases, com os fornecedores e não vai faltar combustível. Tem produto. Há uma contenção, mas não há nada de prejuízo para a população. A prioridade está sendo para os postos bandeirados, mas não significa que a população precisa iniciar uma corrida aos postos por medo de que falte combustível”.

Ainda de acordo com Omar, o navio tem previsão de chegar na Paraíba entre segunda-feira (23) e terça-feira (24).

PORTAL DIÁRIO

OPINIÃO

VÍDEO: Jornalista fala sobre a vacina do Coronavac e destaca a importância do Instituto Butantan

CUIDADO

VÍDEO: Durante novenário, em Ipaumirim, Padre pede que fiéis fiquem atentos a pandemia do coronavírus

NOVA ONDA

VÍDEO: Senador Ney Suassuna acredita que deve haver lockdown com segunda onda de Covid-19 no Brasil

INADMISSÍVEL

VÍDEO: Nilvan Ferreira diz que foi vítima de racismo e chamado de ‘macaco’ na eleição em João Pessoa

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!