header top bar

section content

Nanda Costa fala sobre sua sexualidade e suposto affair com mulheres

Sempre discreta, atriz comentou o fato de nunca ser vista com ninguém e não ter anunciado nenhum relacionamento sério.

Por Luzia de Sousa

20/05/2017 às 16h32 • atualizado em 19/05/2017 às 15h49

A atriz Nanda Costa é bem reservada com a sua vida privada. Dificilmente é vista em revistas ou clicada por paparazzis. Suas entrevistas são sempre para divulgar um novo trabalho e para falar sobre seus projetos.

De tão recolhida, não é fotografada aos beijos com ninguém, tão pouco assume relacionamentos amorosos. Os namoros da atriz simplesmente não aparecem em capas de fofoca, redes sociais ou qualquer coisa do tipo.

Em entrevista ao Glamurama, Nanda fez questão de esclarecer: “Eu apresento meus personagens. Tenho mais interesse em mostrar meu trabalho. Se falo de relacionamento, ele acaba aparecendo igual ou à frente do meu trabalho. E a gente perde com isso. Se eu troquei de par, isso não interessa a mais ninguém. E às vezes a própria pessoa não quer aparecer. Não tenho vontade nem interesse nisso”.

Questionada sobre evitar lugares públicos com os romances, ela foi categórica: “Não me escondo. Não deixo de ir aos lugares que quero para não ser vista. É que não sou muito de badalações mesmo”.

Sobre os boatos envolvendo sua sexualidade e supostos casos amorosos com outras mulheres, a atriz foi direta ao dizer que não dá a mínima. “Me incomoda zero. Zero mesmo. Com a LanLan (percussionista), com a Emanuelle [Araujo] também… Acho tão chato que essa questão de sexualidade ainda seja assunto. Tem tanta coisa mais importante”, disse.

Metrópoles

Tags:
YOUTUBER DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Léo Abreu revela em quais profissões podemos encontrar psicopatas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco