header top bar

section content

Marília Gabriela lembra fim de relação com Giane e boatos de traição

“Na hora em que ele virou galã de novela, todo mundo queria que eu morresse. Era enlouquecedor”, desabafou.

Por Priscila Belmont

23/05/2017 às 10h46

© Reprodução

Marília Gabriela deixou a função de entrevistadora e assumiu bem o papel de entrevistada durante bate-papo concedido ao canal do YouTube do jornalista Marcelo Bonfá, “Pingue Pongue com Bonfá”, publicado na sexta-feira (19).

Na entrevista, de acordo com o colunista Leo Dias, a jornalista relembrou o fim do seu casamento com o ator Reynaldo Gianecchini: “Acabou porque tinha que acabar. Assim como acabou o primeiro e o segundo casamentos, acabou o terceiro”.

Gabi detalhou as reações do ex-casal quando surgiam boatos sobre possíveis traições: “Tive um casamento de oito anos felicíssimos com o Giane. Mas virava e mexia tinha uma história de traição. E ele estava do meu lado. A gente lia aquilo ali juntos. As pessoas se incomodavam com o fato de eu ser mais velha do que ele. A gente estava junto, foi um ano e meio de pura felicidade, até que ele virou galã de novela”, comentou ela, acrescentando que precisou trocar os números do telefone de casa: “Na hora em que ele virou galã de novela, todo mundo queria que eu morresse. Era uma coisa enlouquecedora”.

A apresentadora destacou ainda que sua vida amorosa e sentimental sempre foi muito movimentada: “Eu fui muito namoradeira. Namorei quem eu quis. Sou geminiana. Sou um pouco galinha. Era, quero dizer”.

Notícia ao Minuto

Recomendado para você pelo google

PISO SALARIAL NACIONAL

VÍDEO: Em reunião acalorada, agentes de saúde cobram da Prefeitura de Cajazeiras as progressões do PCCR

FIQUE POR DENTRO

VÍDEO: Pesquisa do Procon mostra diferença de preços de combustíveis nos postos da cidade de Cajazeiras

FOLIA RETRÔ

VÍDEO: Festa reviverá o antigo carnaval de Cajazeiras com blocos tradicionais e banda que marcou geração

ROMPIDOS EM 2018

VÍDEO: Jucinério admite que não é impossível reaproximação com José Aldemir e fala em ‘fofocas’ no grupo