header top bar

string(16) "diario-esportivo"

section content

Sousense Tiquinho Soares, o “novo Hulk”, quase foi convocado por Tite para amistosos

Atacante brasileiro do Porto foi observado in loco por auxiliares da Seleção e na televisão pelo técnico, que procura opção de pivô para montar grupo que irá à Copa do Mundo no ano que vem

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

07/06/2017 às 14h02

Tiquinho Soares comemora um de seus 12 gols pelo Porto (Foto: MIGUEL RIOPA / AFP)

O Paraibano da cidade de Sousa, desconhecido em terras brasileiras e destaque no Porto, um dos mais tradicionais clubes portugueses. Não à toa, Tiquinho Soares foi chamado de “novo Hulk” na Europa. Sua trajetória é semelhante à do agora célebre atacante brasileiro com apelido de super-herói, e por pouco não ganhou mais um traço comum. E que traço! Soares quase foi convocado por Tite para participar dos amistosos contra Argentina e Austrália.

O técnico da Seleção está em busca de um pivô, termo designado para um centroavante de mais força física, com capacidade de jogar de costas para o gol adversário e usar o corpo, a estatura e a resistência, para segurar a bola enquanto seus companheiros de ataque se aproximam para receberem de frente para a meta.

Gabriel Jesus e Roberto Firmino, normalmente convocados para essa posição, são mais leves. Conseguem, vez ou outra, trabalhar como pivô, mas não se trata da característica principal de ambos.

Os números de Tiquinho Soares chamaram atenção de Tite. Depois de fazer nove gols em 22 jogos na temporada 2016/17 pelo Vitória de Guimarães, ele foi contratado pelo Porto e surgiu a dúvida: seu desempenho seria mantido numa potência do futebol português?

Não só foi mantido, como melhorou. Em 17 partidas, foram 12 gols, totalizando 21 em 39 jogos. E numa das rodadas de observação de atletas, um dos auxiliares de Tite foi pessoalmente ver o atacante de 26 anos e 1.87m.

– Eu preciso ter uma opção de pivô na frente. O Soares esteve perto de uma convocação porque é um pivô. Eu não escondo nomes. O Sylvinho foi ver, eu assisti a jogos. É goleador em Portugal? Então vamos acompanhar – disse o técnico.

Soares deixou o futebol brasileiro em janeiro de 2015, contratado pelo Nacional da Madeira após passagens opacas por 11 clubes brasileiros, com destaque para América-RN, Botafogo-PB e Pelotas. De lá foi ao Vitória de Guimarães e, desde o início deste ano, está no Porto, onde estreou com dois gols no triunfo por 2 a 1 no clássico contra o Sporting.

No entanto, quem ocupou a vaga nessa lista de Tite, com a ausência de Firmino, que sofre com problemas clínicos, foi Diego Souza, do Sport. Meia de origem, ele se destacou no Campeonato Brasileiro do ano passado com gols e assistências, e seu porte físico fez o técnico da Seleção convocá-lo para essa função carente no grupo.

Na Copa do Mundo de 2014, os dois centroavantes eram Fred e Jô, ambos com características que Tite deseja ter agora. Ele admite que os observa também, mas, assim como Diego Souza, quer ter um parâmetro de atuações agora, no Brasileirão, já que os estaduais têm um valor de competitividade relativizado.

Sem Tiquinho, com Gabriel Jesus titular e Diego Souza no banco, o Brasil enfrentará a Argentina nesta sexta-feira, em Melbourne, às 7h05 (horário de Brasília).

GE

VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça

CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas