header top bar

section content

Três anos após deixar Corinthians, Vagner Love fecha contrato sem cláusula que facilitou saída

Atacante trocou o Corinthians pelo Monaco por 1 milhão de euros após o hexa de 2015

Por GE

30/01/2019 às 08h22

Vagner Love com Walmir Cruz, Fábio Carille e Fabinho (Foto: Bruno Cassucci)

Três após deixar o Corinthians rumo ao Monaco, da França, aproveitando-se de uma multa contratual baixa que estava acordada em contrato, Vagner Love fechou um acordo por dois anos com o Timão sem nenhuma cláusula que facilite a sua saída, segundo o advogado Diogo Souza.

Aos 34 anos, Love deixou o Besiktas, da Turquia, após uma negociação bastante complicada.

Feliz pelo retorno ao Corinthians, não demonstrou ter pretensões de voltar a jogar fora do país antes do fim de seu contrato. Algo que, na assinatura em fevereiro de 2015, foi bastante diferente.

– Vagner tinha saído da China em 2015 e tinha uma proposta milionária da Rússia, mas recusou porque tinha muita vontade de jogar no Corinthians. Seria um contrato até dezembro, mas Edu Gaspar (ex-gerente de futebol) e Andrés Sanchez nos pediram para que fosse um contrato de um ano e meio (até julho de 2016). Então botariam uma multa baixa. Foi acordado assim, se fosse um ano só, o Corinthians nem teria ganhado nada. Foi bom para todo mundo – explicou Diogo Souza.

Após 50 partidas e 16 gols em 2015, Love partiu para a França. A equipe europeia pagou a multa rescisória de apenas € 1 milhão (R$ 4,4 milhões, na época). O advogado diz que, desta vez, a situação é bastante diferente. Ele, porém, prefere não revelar o valor da nova multa contratual.

– Isso não importa muito para o Vagner hoje. Mas é um valor impagável – destacou.

Sem receber salários por quase seis meses, Vagner Love pediu sua rescisão contratual junto ao Besiktas, da Turquia, em negociação que durou várias semanas. O acordo foi finalizado na última sexta-feira. Empresário do jogador, Evandro Ferreira costurou a negociação com o Timão junto do diretor de futebol Duílio Monteiro Alves e do presidente Andrés Sanchez.

– Vagner perdeu parte do dinheiro, e o clube parcelou o restante (dos atrasados). Ele queria muito voltar ao Corinthians e fizemos esse acordo para conseguir a liberação – destacou o advogado Diogo Souza.

Nono reforço do Corinthians para a temporada, Vagner Love ainda não tem data para estrear pelo clube. Como ainda não foi inscrito no Paulistão, ele está fora da partida contra o RB Brasil nesta quarta-feira e também não deve ser relacionado para o clássico contra o Palmeiras, no sábado.

Fonte: GE - https://globoesporte.globo.com/futebol/times/corinthians/noticia/tres-anos-apos-deixar-corinthians-vagner-love-fecha-contrato-sem-clausula-que-facilitou-saida.ghtml

Recomendado para você pelo google

COBRA REAJUSTE DE 2018

VÍDEO: Sindicalista elogia Zé Aldemir por salário de professores, mas diz que felicidade é ‘entre aspas’

ANALISAR MELHOR FORMA

Presidente da OAB Nacional diz que irá discutir modelo legal para a questão do armamento no Brasil

PARTICIPE!

Retiro de Carnaval de Pombal recebe adesão de fiéis para a execução do maior evento religioso da cidade

SANTA MARIA

VÍDEO: Faculdade de Cajazeiras é contraponto a injustiças sociais e falta de ‘gentilezas’, diz diretora