header top bar

section content

Último eclipse total da Lua em 3 anos será visto em três cidades na Paraíba na próxima semana

Durante a fase da totalidade, a Lua ganha uma coloração avermelhada, graças aos raios solares que passam pela atmosfera terrestre e são filtrados e refletidos em direção a Lua

Por Portal Diário com Associação Paraibana de Astronomia

14/01/2019 às 14h25

Eclipse será o último em 3 anos e poderá ser visto em três cidades da PB

No próximo final de semana, na madrugada entre domingo (20) e segunda (21), ocorrerá um dos principais eventos astronômico de 2019: um eclipse lunar total que será inteiramente visível de todo o Brasil. Na Paraíba, se as condições meteorológicas ajudarem, será possível observar o fenômeno por mais de 3 horas, a partir da 0h33m.

Eclipse lunar total é um fenômeno astronômico que ocorre quando a Lua é ocultada totalmente pela sombra da Terra. Isto ocorre sempre que o Sol, a Terra e a Lua se encontram alinhados, com a Terra entre os outros dois. Devido a diferença de 5° entre os planos orbitais da Terra e da Lua, apenas em momentos específicos do ano a Lua cruza o cone de sombra da Terra. Eclipses totais da lua podem ocorrer anualmente ou até mais de uma vez ao ano. Mas após o dia 21, os observadores da Paraíba irão experimentar um jejum de eclipses que irá durar mais de 3 anos. O próximo eclipse total da Lua visível no Estado ocorrerá apenas em Maio de 2022.

Durante a fase da totalidade, a Lua ganha uma coloração avermelhada, graças aos raios solares que passam pela atmosfera terrestre e são filtrados e refletidos em direção a Lua. Se pudéssemos observar esse eclipse da Lua, veríamos a Terra ocultando completamente o Sol, mas ainda veríamos a Coroa Solar e uma espécie de anel avermelhado em torno da Terra, formado pela luz do Sol refletida na fina camada da atmosfera da Terra, como se fosse um crepúsculo de 360°.

Horários
O eclipse do dia 21 poderá ser observado em sua totalidade de qualquer local das Américas. A partir da 0h33m, ocorre o primeiro contato da Lua com a sombra da Terra chamada “Umbra”. A partir de então, os observadores poderão observar a sombra avançando sobre a superfície lunar até cobri-la totalmente às 01h41m. A Lua então deve assumir uma coloração avermelhada provocada pela dispersão da luz solar refletida pela atmosfera da Terra. O ponto máximo do eclipse deve ocorrer às 02h12m e às 02:43, a Lua começa a sair da sombra da Terra. A partir desse momento a sombra vai recuando na superfície da Lua até às 03h50m, quando a fase parcial do eclipse se encerra.

Cientificamente, ainda existe uma fase penumbral que se inicia às 23:36 de domingo e vai até às 04:48 da segunda. Nessa fase, a luz do Sol que atinge a Lua é parcialmente bloqueada pela Terra. Há uma redução da luminosidade da Lua que é imperceptível a olho nu e portanto, desinteressante para o público.

Eventos pela Paraíba
E para acompanhar de perto esse espetáculo, a APA e o NEPA-IFPB, em parceria com a Estação Cabo Branco, Mistérios do Espaço e Casarão do Jabre, estão promovendo eventos de observação através de telescópios em 3 cidades da Paraíba: João Pessoa, Taperoá e Matureia.

Em João Pessoa, um lual será realizado na Estação Cabo Branco de Ciência, Cultura e Artes durante toda a noite. O evento encerrará a exposição “O Homem e o Universo” que comemora os 50 anos de dedicação à Astronomia do Prof. Marcos Jerônimo. Para acompanhar o eclipse, serão disponibilizados telescópios a partir das 18h do domingo, dia 20. Até o horário do eclipse, além de observação da Lua por telescópios, o público contará ainda com palestras e apresentações musicais no palco do anfiteatro. O eclipse também poderá ser acompanhado em tempo real em um telão instalado especialmente para o evento.

Em Taperoá, o Centro de Estudos Astronômicos do Cariri está organizando o evento na Ponte Velha. Telescópios estarão disponíveis para observação junto ao público da cidade sob a orientação de instrutores a partir das 22h.

Em Maturéia, o evento ocorre no Casarão do Jabre, zona rural do município e mesmo local onde anualmente ocorre o Encontro Paraibano de Astrofotografia. O evento, que se iniciará às 21h, também contará com telescópios disponibilizados pela APA e instrutores para orientação do público. Além do eclipse, este evento deve contar também com o belo céu estrelado no momento do eclipse, o que torna o evento ainda mais bonito e inesquecível.

Todos estes eventos são gratuitos, abertos ao público de todas as idades, mas estão sujeitos às condições meteorológicas do local. Para os interessados em acompanhar o eclipse em um dos céus mais escuros da Paraíba, a APA e o Casarão do Jabre prepararam pacotes especiais de hospedagem e transporte (a partir de João Pessoa). Interessados, devem entrar em contato por telefone ou Whatsapp através dos números (83) 99926-1152 ou (83) 99669-6466.

Mesmo ocorrendo em horário um pouco incômodo, e estando sujeito às condições meteorológicas, esse é um dos mais interessantes eventos astronômicos do ano de 2019 e o mais acessível, o mais fácil de se observar, mesmo a olho nu. Então, vale a pena ficar acordado até de madrugada para acompanhar este eclipse, mesmo que não tenha nenhum telescópio, luneta ou binóculos para acompanhar.

Recomendado para você pelo google

ESTELIONATO

VÍDEO: Após dois golpes em banco de Cajazeiras, advogado mostra como vítimas devem buscar seus direitos

FIQUE POR DENTRO

Radialista sousense fala das condenações de ex-prefeitos e visita da PF na casa de empresário no Sertão

6ª EDIÇÃO DO EVENTO

VÍDEO: Mesa Redonda da Faculdade Santa Maria discute direitos e diversidade humana; veja como participar

VÍDEO

Chico Mendes diz que pode dividir palanque com Cleide e dispara: “Tô pronto para disputar com Paula”