header top bar

section content

FOTOS: Incêndio destrói quiosque na orla da praia do Cabo Branco em João Pessoa

Proprietário relatou que vizinhos informaram oscilação de energia elétrica na área. Energisa negou osciliação.

Por Portal Diário com G1PB

12/12/2018 às 09h11

Chamas destruíram interior do quiosque na orla de João Pessoa (Foto: Walter Paparazzo/G1)

Um incêndio destruiu um dos quiosques na orla da praia do Cabo Branco, em João Pessoa, na madrugada desta quarta-feira (12). O Corpo de Bombeiros foi acionado para combater as chamas e o incêndio já tinha sido controlado por volta das 7h.

As possíveis causas do incêndio não foram informadas pelo Corpo de Bombeiros. O proprietário do quiosque relatou que os vizinhos da área informaram que a energia elétrica oscilou bastante durante a noite e que o disjuntor de um dos postes que fica próximo ao quiosque estava com defeito.

“De cinco horas da manhã informaram, os vizinhos do local informaram que a energia ficou oscilando a noite toda. Ligaram várias vezes para energisa. Acabou com tudo que a gente tem”, lamentou o dono do quiosque.

Chamas destruíram interior do quiosque na orla de João Pessoa (Foto: Walter Paparazzo/G1)

A Energisa, concessionária de energia elétrica na Paraíba, informou que não houve oscilação na área e que também não foi identificado chamado para o local. Ainda de acordo com a concessionária, de toda forma, está sendo feito um levantamento dos protocolos de atendimento.

Fonte: Portal Diário com G1PB - https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2018/12/12/incendio-destroi-quiosque-na-orla-da-praia-do-cabo-branco-em-joao-pessoa.ghtml

DEPENOU O GALO

VEJA OS GOLS: Atlético de Cajazeiras vence o Treze de Campina e assume a liderança isolada do Paraibano

NA TELA DA TV DIÁRIO

Diário Esportivo traz tudo sobre a 2ª rodada do Paraibano; Tático narra gol da vitória do Atlético

SE CUIDE!

VÍDEO: No Janeiro Branco, Diversidade em Foco promove uma ‘Conversa sobre suicídio e como evitá-lo?’

RECONHECIMENTO

Prefeito de Sousa garante ajuda mensal ao médico cubano: “Eu irei ajudá-lo em todos os momentos”