header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Jucinério prova inocência na Câmara de Cajazeiras, diz que denúncia de roubo doeu e dispara: “Minhas mãos são limpas”

A ‘briga’ entre os ex-aliados, começou logo que Adriano da Vila Nova conseguiu uma vaga na Casa Otacílio Jurema.

Por

07/10/2015 às 17h08

O vereador Jucinério Félix (PPS) esperou sete dias, mas conseguiu provar a Cajazeiras e especialmente ao colega Adriano Rodrigues (Adriano da Vila Nova-PTB), que não desviou nenhum dinheiro público, como foi acusado numa emissora de Rádio da cidade.

*Vereador oposicionista desafia colega mostrar contracheque 'gordo' em Cajazeiras e é acusado de desviar R$ 100 mil

A ‘briga’ entre os ex-aliados, começou logo que Adriano da Vila Nova conseguiu uma vaga na Casa Otacílio Jurema. Eles se enfrentam quase todas as seções, mas desta vez o oposicionista provou que a denúncia é falsa, pois um documento da própria prefeitura comprova que a emenda de R$ 100 mil fora devolvida ao Governo Federal por não ter sido aplicada em tempo hábil.

Usando a tribuna da casa legislativa, Jucinério Félix apresentou o documento obtido junto a Secretaria de Finanças do município comprovando que os recursos para montagem de uma granja comunitária no ano de 2011, ainda no governo do ex-prefeito Carlos Rafael, foram devolvidos ao governo federal, inclusive reajustado em pouco mais de R$ 4 mil.

Essa foi a resposta dada ao vereador Adriano da Vila Nova. Jucinério explicou que não aplicou o dinheiro na época, porque as empresas aptas a montar a granja eram do sudeste e não queria vir para o Nordeste para uma ‘aplicação pequena de recursos”.

Ele contou que mesmo com dificuldade conseguiu realizar uma licitação, mas coincidiu com o tempo que teve que deixar a Secretaria para se candidatar e não teve mias como acompanhar o processo. “Estou provando que eu não roubei dinheiro do povo. Graças a Deus minhas mãos são limpas. Doeu ouvir o senhor Adriano dizer que o dinheiro sumiu”.

Entenda
Desapontado, o vereador da base aliada da prefeita acusou Jucinério Félix de desviar R$ 100 mil reais, oriundos de verba do deputado federal Luiz Couto (PT), destinada a construir criatório de galinha na comunidade Vila Nova, quando ocupava o cargo de secretário de Promoção Social.

“O senhor tem que responder ao descaminho de R$ 100 mil que veio para vossa secretaria na gestão passada. Não chegou aqui essa granja, mas os R$ 100 mil desapareceram”. Denunciou o vereador.

Adriano também acusou o ex-secretário de ser desequilibrado emocionalmente. “Ele não tem controle de discutir gestão, é desequilibrado. O vereador é desequilibrado”.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas

PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores