header top bar

section content

Sepultura é violada e corpo é encontrado queimado e desmembrado

Morto estava enterrado no cemitério de Maragogi e foi encontrado sem a cabeça e um dos braços

Por Estagiário

20/11/2016 às 17h00 • atualizado em 20/11/2016 às 11h42

© DR

Foi violada a sepultura onde estava o corpo do pedreiro Clinffet Willes da Silva Machado, de 37 anos, assassinado na quarta-feira (16), na Barra de Santo Antônio, Alagoas. O corpo, que estava enterrado no cemitério de Maragogi, foi encontrado queimado e sem a cabeça e um dos braços nesta sexta-feira (18). Segundo o G1, a polícia investiga o crime, que ainda não tem suspeitos.

Apesar da denúncia sobre a violação do túmulo ter sido realizada as 8hrs, a Polícia Civil acredita que o crime ocorreu de madrugada. Este tipo de violação chama-se vilipêndio de cadáveres e a pena, além de uma multa, é de um a três anos de reclusão.

Notícias ao Minuto

SAIBA QUEM É!

Novo apresentador da TV Diário do Sertão dá detalhes do seu programa e revela que o convidado da estreia será ‘bombástico’ – VÍDEO!

ENTREVISTA

No Caldeirão Político, secretário revela bastidores da campanha que levou Zé Aldemir à histórica vitória contra grupo de Carlos – VÍDEO!

SOLIDARIEDADE

Campanha busca arrecadar recursos para construir sede de associação que cuida de idosos; saiba como contribuir – VÍDEO!

TRANSPARÊNCIA

Reeleito, presidente da câmara de vereadores de Bonito de Sta. Fé faz presta contas dos seus trabalhos a frente do poder legislativo