header top bar

section content

Vereador de SJRP é acusado de quebra de decoro

A sessão Ordinária da Câmara Municipal de São João do Rio do Peixe da ultima sexta-feira(15) terminou em discussão entre os vereadores Marcondes Vieira( PMDB ) e o presidente do legislativo são-joanense, Webster Muniz(PP ) . Marcondes usou a Tribuna e acusou o presidente de ditador e de arbitrário, fato que provocou revolta ao presidente […]

Por

17/05/2009 às 10h25

A sessão Ordinária da Câmara Municipal de São João do Rio do Peixe da ultima sexta-feira(15) terminou em discussão entre os vereadores Marcondes Vieira( PMDB ) e o presidente do legislativo são-joanense, Webster Muniz(PP ) . Marcondes usou a Tribuna e acusou o presidente de ditador e de arbitrário, fato que provocou revolta ao presidente Webser Muniz, que convocou a Policia Militar para retirar o vereador do Plenário da Câmara.

As discussões acaloraram a sessão e os demais vereadores apartearam os dois parlamentares, tentando acalmar os ânimos para evitar que a sessão se transformasse em uma baixaria ainda maior .

O presidente Webester Muniz, alertou o vereador Marcondes Vieira, alegando que o mesmo havia quebrado o decoro parlamentar, ao faltar com respeito com a presidência , fato este que já estava virando rotina nas sessões daquela casa legislativa, o que motivou o vereador Peemedebista, a pedir desculpas ao presidente .

Mesmo com as desculpas, a presidência do Legislativo são-joanense deverá convocar uma sessão secreta para decidir qual tipo de punição caberá ao vereador acusado de quebra de decoro , haja visto o mesmo ser reincidente.

O episódio está causando polêmica na cidade de São João do Rio do Peixe e na opinião da população, “o vereador Marcondes, que é da bancada de oposição, deve respeitar a hierarquia do poder , e evitar que fatos com este voltem a se repetir para que a imagem do Legislativo não venha a ser denegrindo perante a opinião pública e os meios de comunicação, afirmou o popular Dionizio.

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares