header top bar

section content

Atlético e Paraíba estréiam domingo na segundona

O Atlético estréia contra o Cruzeiro de Itaporanga no estádio Perpetão. Já o Paraíba terá seu primeiro desafio jogando fora de casa, contra a Perilima, em Campina Grande.

Por

06/05/2009 às 22h52

Após alguns meses sem futebol, Cajazeiras a partir do próximo domingo (10), estará super movimentada, as torcidas do Atlético, o mais querido do sertão e do Paraíba, começarão a corrida, na esperança dos dois clubes subirem para a elite do futebol paraibano. O Atlético que fez uma péssima campanha em 2008, sendo rebaixado para a 2ª divisão do futebol paraibano, busca o seu retorno, enquanto que o Paraíba, com apenas três anos de criação busca pela primeira vez, o gostinho de participar da primeirona.

Os dois clubes investiram na formação dos seus elencos, trazendo o que de melhor encontraram para luta direta pela vaga. O Atlético, aposta na experiência do treinador Hamilton Rocha, que junto com a direção, trouxe um elenco genuinamente cearense, praticamente desconhecida do futebol paraibano, mesmo assim vale salientar que o "trovão azul do sertão", sempre se deu bem com jogadores oriundos do futebol alencarino. Por sua vez o Paraíba, mesclou algumas figuras já carimbadas do futebol paraibano, com algumas caras novas.

O Atlético estréia contra o Cruzeiro de Itaporanga no estádio Perpetão, a partir das 16:00h. Já o Paraíba terá seu primeiro desafio jogando fora de casa, contra a Perilima, no estádio Amigão, em Campina Grande, no mesmo horário.

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda