header top bar

section content

Campinense vence o Náutico Sub-20 em amistoso no Estádio Amigão: 2×1

Rubro-Negro só volta a campo pelo estadual no dia 8 de junho e usou a data vaga para movimentar a equipe. Ideia é não permitir que time fique sem ritmo de jogo

Por

29/05/2014 às 10h46

Time do Campinense jogou melhor do que o Sub-20 do Náutico / Foto: Silas Batista / GloboEsporte

Foi debaixo de muita chuva. O Campinense finalmente entrou em campo nesta quarta-feira para realizar seu amistoso de preparação visando o retorno ao Campeonato Paraibano, que acontece no próximo dia 8. A Raposa encarou a equipe Sub-20 do Náutico e com o gramado do Amigão encharcado encontrou muita dificuldade. Mas com um gols de Wanderley e de André Tavares no finalzinho do segundo tempo, o time comandado por Freitas Nascimento conseguiu a vitória. 

Wanderley marca primeiro

A Raposa começou o jogo sem dar chances para o adversário chegar ao ataque. Controlando bem as ações no setor ofensivo, o Rubro-Negro chegou ao primeiro gol logo aos 15 minutos. Após a falta cobrada por Badé e após o desvio no meio do caminho, o goleiro do Timbu deu rebote e o artilheiro Wanderley aproveitou para inaugurar o marcador no Amigão. O Náutico até tentou chegar ao ataque com Ítalo, que obrigou o goleiro Rodrigão a fazer uma defesa difícil. Mas o placar permaneceu inalterado.

Náutico empata, mas Raposa garante a vitória no fim

Na volta para a segunda etapa, assim como aconteceu no jogo contra o Sousa, onde saiu derrotado por 3 a 1, o Campinense voltou a campo distraído e tomou um susto logo nos minutos iniciais. E em uma falha da defesa, o  atacante Ítalo, que quase tinha conseguido marcar na etapa inicial, não desperdiçou a chance e mandou para o fundo da rede. Era o gol de empate dos pernambucanos.

Na sequência o que se viu foi uma série de substituições. Aproveitando a chance na partida amistosa, o treinador Freitas Nascimento testou quase todos os atletas da Raposa e pôde modificar várias vezes o esquema tático do time. Mas apesar das oportunidades que foram criadas, a Raposa só conseguiu marcar o seu gol no finalzinho.

Depois de uma excelente tabela entre Osvaldir e Ricardo Maranhão, que voltou a atuar depois de vários meses no departamento médico, o atacante driblou o goleiro alvirrubro e deixou André Tavares sozinho, com o gol escancarado, para marcar o gol da vitória raposeira e dar números finais ao confronto. 

Agora o pensamento do Campinense se volta totalmente para o jogo contra o Botafogo-PB, marcado para o próximo dia 8, também no Amigão.

Fonte: Globo Esporte

AMIGO DE BRÁULIO BESSA

VÍDEO: Poeta que esteve no Encontro com Fátima Bernardes foi o convidado do Xeque-Mate da semana; VEJA!

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Pentecostal de Jerusalém

DIÁRIO ESPORTIVO

DIÁRIO ESPORTIVO: Tudo que rolou no Campeonato Brasileiro e os preparativos para o Paraibano

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria Calado na Tv recebe Everly Paloma e Forró Bom de Mexer de Ipaumirim- CE