header top bar

section content

TOQUE DE RECOLHER? Prefeitura de Marizópolis emite notificação proibindo comerciantes de abrirem seus estabelecimentos aos domingos

Miguel disse também, que a determinação entrou em vigor com dois pesos e duas medidas, pois “os aliados do prefeito estão abrindo no domingo e não estão sendo multados”.

Por Luzia de Sousa

06/07/2017 às 17h28 • atualizado em 06/07/2017 às 17h32

Notificação da prefeitura de Marizópolis

O ex-candidato a prefeito da cidade de Marizópolis, Miguel Neto (PP) disse que ficou surpreso com a medida adotada pela prefeitura da cidade, que emitiu uma notificação proibindo os comerciantes de abrirem as portas dos seus estabelecimentos aos domingos.

Zé Vieira batiza sucessor de ‘gerente’, diz que pode deixar vida pública, fala sobre Andaime e afirma que atual prefeito de Marizópolis só inaugura pintura de meio fio. VEJA VÍDEO!

De acordo com Miguel Neto, que faz oposição ao prefeito José Lins Braga (Zé de Predrinho-PSDB), a nova determinação prevê multa para quem descumprir a ordem do gestor público.

O oposicionista avaliou como uma medida negativa, pois os pequenos comerciantes do município, que sobrevive a grave crise com muita dificuldade serão prejudicados.

Miguel disse também, que a determinação entrou em vigor com dois pesos e duas medidas, pois “os aliados do prefeito estão abrindo no domingo e não estão sendo multados”.

O outro lado
A reportagem tentou ouvir Zé de Pedrinho para comentar a medida, mas sem sucesso, porém o espaço fica aberto caso queira se pronunciar sobre o assunto

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan