header top bar

section content

Aluna de Cajazeiras passa mal após ritual de invocação de espírito dentro de escola. Veja!

Segundo informações da Casa Espírita, a adolescente ‘incorporou’ após a brincadeira dos lápis, que após girarem, parou na direção da menina.

Por

09/06/2015 às 06h30

Alunos participam de ritual em Cajazeiras. Veja

Um ritual de invocação de espíritos vem se tornando comum durante o intervalo em escolas públicas da cidade de Cajazeiras. Segundo informações apuradas pelo portal Diário do Sertão, uma estudante passou mal após a brincadeira "Charlie Charlie" e foi levada a uma Casa Espírita da cidade, onde passou por ‘limpeza espiritual’

Segundo informações da Casa Espírita, a adolescente ‘incorporou’ após a brincadeira dos lápis, que após girarem, parou na direção da menina.

O ritual "Charlie Charlie" envolve colocar dois lápis um em cima do outro em forma de cruz, e escrever as palavras "sim" e "não" nos quadrados formados por eles. O invocador deve então perguntar "Charlie Charlie, você está aí?". Se um dos lápis se mover para a palavra "sim", o espírito estará presente.

As pessoas que atenderam a menina em Cajazeiras informaram que ela foi levada pela mãe que estava muito preocupada, pois a filha não parava de tremer o corpo inteiro. 

Os Médiuns alertaram para o perigo e destacaram que a força espiritual não deve ser levada como brincadeira, pois pode gerar graves problemas na vida das pessoas e pediram atenção por parte dos pais para conversar com os filhos sobre o assunto.

No mês passado um fato semelhante foi registrado cidade de Manaus e várias alunas passaram mal.

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan