Educação
28/11/2016 às 16h51 • atualizado em 28/11/2016 às 18h48

postado por: Jocivan Pinheiro

VÍDEO: Ricardo Coutinho inaugura Escola Técnica de Cajazeiras; quase R$ 14 milhões foram investidos

A unidade tem capacidade para atender cerca de 500 estudantes e vai oferecer, inicialmente, 180 vagas para dois cursos

Após inaugurar o Aeroporto Regional de Cajazeiras na manhã desta segunda-feira (28), o governador Ricardo Coutinho (PSB) participou das solenidades de inauguração de outra obra bastante aguardada na cidade, a Escola Estadual Cidadã Integral Técnica Nicéa Claudino Pereira. As duas obras, que representam um investimento de mais de R$ 19 milhões, fazem parte de uma série de inaugurações programadas pelo Governo do Estado para este fim de ano.

VEJA TAMBÉM: Lágrimas marcam voo inaugural do Aeroporto de Cajazeiras; RC destaca investimentos

escola-tecnica-2

Governador discursa na Escola Técnica

A Escola Técnica recebeu um investimento de quase R$ 14 milhões na estrutura física e aquisição de equipamentos. A unidade tem capacidade para atender cerca de 500 estudantes e vai oferecer, inicialmente, 180 vagas para os cursos de Técnico em Vestuário e Técnico em Informática.

– O ensino profissionalizante teve um grande avanço nesta gestão, precisamos fazer com que os jovens tenham mais atrativos no ensino médio e possam aprender uma profissão. Aqui oferecemos dois cursos que têm relação com as necessidades da região, Informática e Vestuário. Mais do que uma bela estrutura, esta escola tem os melhores equipamentos e professores qualificados. Já fizemos mais de 2000 salas de aula pela Paraíba em seis anos e este ginásio é o de número 80 que entregamos. A cada ano estamos avançando e melhorando a qualidade da rede estadual de ensino – ressaltou Ricardo Coutinho em seu discurso.

A escola possui 12 salas de aula, biblioteca, sala multimídia, auditório com capacidade para 200 lugares, sala técnica, quadra poliesportiva coberta com equipamentos esportivos, área de vivência com palco, laboratórios de Informática, línguas, Matemática, entre outras dependências.

O nome da escola é uma homenagem à professora Nicéa Claudino, que se dedicou à educação e à cidadania em Cajazeiras. Familiares estiveram na cerimônia de inauguração, que teve discurso do neto da homenageada.

DIÁRIO DO SERTÃO

Deixe seu comentário