header top bar

section content

Governador afirma que Estado está trabalhando para reduzir o número de homicídios e dispara: ‘Lei tem brechas e é frouxa’

Ricardo Coutinho afirmou ainda que é grato ao trabalho que é realizado pelos policiais na Paraíba

Por

15/05/2015 às 16h10

O aumento no número de homicídios, assaltos e outros delitos estão preocupando a população da Paraíba. Para discutir sobre o tema Segurança, a reportagem do portal e TV Online Diário do Sertão conversou com exclusividade com o Governador Ricardo Coutinho. Segundo ele, o Governo está trabalhando para reduzir o número de homicídios e garantir tranquilidade aos paraibanos.

O Governador disse ainda que é necessário que seja criado um Ministério para garantir a melhoria da segurança na Paraíba e em todo o Brasil. “Nós oferecemos a presidente Dilma a oportunidade de implantar no Nordeste um laboratório do sistema único de segurança pública, onde o governo federal, governo do estado e os municípios teriam suas responsabilidades em cada território e contribuiriam para que a violência possa diminuir”, destacou.

Ricardo Coutinho afirmou ainda que é grato ao trabalho que é realizado pelos policiais na Paraíba, mas lamentou as falhas na leis do Brasil. “O número de prisões e apreensões que a polícia realiza é enorme. E se alguém é preso e depois sai, é porque a Lei tem brechas e é frouxa. Quem vive fora da lei tá perdendo o medo, tá perdendo o temor e o respeito. Será preciso alterar algumas leis, para que aqueles que se praticarem um crime, cumpram rigorosamente a pena, pois só dessa forma eles pensarão duas vezes antes de praticarem outro delito”, finalizou o governador.

Assista a reportagem exclusiva da TV Diário do Sertão

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

PADROEIRO

VÍDEO: Festividades de São José, em Bom Jesus, chegam ao fim com eventos de esporte e shows no distrito

COM OLIVAN PEREIRA

VÍDEO: Nomeações em Cajazeiras, dia de São José e Zona Azul são os destaques do Direto ao Ponto de hoje

INDICAÇÕES DE CARGOS

VÍDEO: ‘Caça às bruxas’ de Jeová e Júnior pode render 2 mil votos para Zé Aldemir em 2020, diz colunista

INCENTIVO À CULTURA

VÍDEO: Projetos aprovados pelo FUMINC em Cajazeiras poderão ser anunciados na segunda semana de abril