header top bar

section content

Vídeo: Aflitas, famílias acompanham de perto tiroteio e bombardeio no presídio de Cajazeiras

Dezenas de famílias se deslocaram para o presídio na noite dessa segunda-feira (19), para acompanhar de perto o desfecho da situação

Por

20/01/2015 às 17h18

rebelião dessa segunda-feira (19) no Presídio Regional de Cajazeiras mobilizou mães, pais e as mulheres dos apenados, que acompanharam do lado de fora da penitenciária. As mulheres dos detentos fizeram várias denúncias graves contra os agentes penitenciários.

Apreensivas e temerosas com o que estava acontecendo no interior do presídio uma delas chegou a denunciar que a rebelião começou pelos policiais, além de perseguição durante a visita. “Tinha um preso doente e eles não levaram para o hospital, e por isso começou a rebelião”.

Outra mulher denunciou o agente por nome de Raimundo, que estava levando trio de presos para dar surras. “Os outros presos não se conformaram com isso".

"Eles estão presos, mas não é justo apanhar não”. Ela disse que ficou muito assustada com o tiroteio, pois poderia ter acabado com a vida de muita gente.

“Já jogaram bombas e muitos disparos, mas ninguém veio aqui fora dizer nada pra gente. Eles estão presos, mas têm famílias. Ficamos aflitos sim”. Declarou em tom de revolta.

Dezenas de famílias se deslocaram para o presídio na noite dessa segunda-feira (19), para acompanhar de perto o desfecho da situação. Muitas delas cobriram os rostos temendo retaliação.

Veja vídeo!

?

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
OS CIRENEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança reflete sobre imunização espiritual e como lidar com adversários

'MENSAGEM DE FÉ'

VÍDEO: Padre apresenta programa especial na TV sobre a tradicional Festa de Dom Bosco em Cajazeiras

'OPINIÃO DO CIDADÃO'

VÍDEO: Em Cajazeiras, presidente da OAB-PB diz ser contra posse de arma: “Índices de mortes aumentam”

PROPRIEDADES EMBARGADAS

VÍDEO: Impedidos de plantar, agricultores de Cajazeiras acusam IBAMA de excessos na aplicação de multas