header top bar

section content

Ministro do TSE julga improcedente ação contra Wilson Filho

Mesmo sem temer a perda do mandato, Wilson Filho comemorou a decisão.

Por

23/05/2014 às 14h55

Wilson Filho se mantém no cargo. Veja!

O Ministro do Tribunal Superior Eleitoral, João Otávio de Noronha, julgou improcedente o pedido de afastamento do mandato do Deputado Federal Wilson Filho, por infidelidade partidária.

A ação, da Procuradoria Geral Eleitoral, pedia o afastamento do mandato de Wilson Filho, que deixou o PMDB para se filiar ao PTB, e outros 12 parlamentares que trocaram de partido. Nesta quinta-feira (23), em decisão monocrática, o Ministro reconheceu que houve motivos justos para mudança de partido.

Mesmo sem temer a perda do mandato, Wilson Filho comemorou a decisão. “O PMDB nacional já havia me liberado por unanimidade, os suplentes já tinham publicamente informado que não tinham interesse no nosso mandato, todas essas atitudes provavam que nós tínhamos tomado a decisão mais coerente na época, que foi mudar para o PTB. Mas mesmo assim, o Ministério Público acreditou que havia necessidade de se provar o motivo da mudança de partido e nós provamos. Pra mim essa é uma confirmação daquilo que eu já sabia e uma tranquilidade para que eu possa continuar o meu mandato com coerência. O TSE percebeu o que a Paraíba já tinha percebido a muito tempo.”

Da secom

Tags:

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras