header top bar

section content

Casal de Sousa completa 75 anos de feliz união e manda recado para os apaixonados

Para casar, Seu Zequinha revelou que Maria Vieira colocou uma condição: “Queria que eu fizesse uma casa para morar”

Por

01/12/2015 às 16h16

No ano de 1940, José Alfredo (Seu Zequinha) e Maria Vieira (Dona Ula) se casaram, e este ano completam 75 anos de união, felicidade e cumplicidade. Eles são da cidade de Sousa, no Sertão do estado.

Dona Ula, como gosta de ser chamada disse que o jeito manso de Seu Zequinha a conquistou: “Uma pessoa lenta. Tudo que se quisesse arranjar com ele arranjava”.

Para casar, Seu Zequinha revelou que Maria Vieira colocou uma condição: “Queria que eu fizesse uma casa para morar”.

Com 102 anos de vida, José Alfredo declarou que casamento tem que ser para a vida toda. “Depois que casa é respeitar um ao outro e não procurar mais nada”.

Dona Ula mandou um recado aos casais que estão em dificuldade no matrimônio: “Casou, faça por onde viver. O meu é para sempre sem fim amém”.
O exemplo do casal é passado para as gerações. Felicidade Estrela, nora do casal confessou que o amor que Seu Zequinha tem por Dona Ula é o mesmo que os filhos tem pelas esposas.

A sobrinha, Bernadete Gomes disse que o amor do casal não é de fantasia, mas um sentimento sincero. “É um amor que prospera”

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

VÍDEO: Ambientalista critica prefeito de Pombal por não resolver problema do lixão na entrada da cidade

CONHEÇA SEUS DIREITOS

VÍDEO: Advogados de Cajazeiras criticam INSS e orientam sobre o que fazer quando um benefício é cortado

FARIA 97 ANOS NESTE MÊS

VÍDEO: Historiador explica por que Padre Gualberto foi o ‘Padre Rolim do século XX’ em Cajazeiras

QUARTO EPISÓDIO

Em homenagem ao Dia das Crianças, programa Coisas de Cajazeiras entrevistou uma turma esperta e antenada