header top bar

section content

Reflexos da saída de Wilson Santiago: Obras da BR 434 são paralisadas entre PB e Estado do Ceará

A notícia foi confirmada por um prefeito sertanejo: falta de recursos financeiros seria o problema da paralisação.

Por

25/10/2011 às 17h20

As obras de pavimentação asfáltica da BR 434, que interliga que liga a cidade sertaneja de Uiraúna ao município de Icó (CE), foram paralisadas. A informação foi confirmada pelo Prefeito de Poço Dantas, Itamar Moreira (PMDB) nesta segunda-feira (24), ao programa Caldeirão Político da Rádio Oeste da Paraíba.

Segundo Itamar a construtora Progresso parou suas atividades na estrada por falta de recursos. O outro motivo, segundo ele é por que empresa não tem a certeza de que as emendas parlamentares que dão andamento a obra, poderão ser asseguradas no futuro.

"Dizem que a empresa está parando não por conta de falta de recursos financeiros, mas sim por conta das conseqüências destas decisões últimas decisões, pois é uma obra tocada por emendas parlamentares, pois a notícia está parando porque não tem a certeza de que estas emendas poderão ser asseguradas no futuro". Disse o gestor de Poço Dantas.

Entenda
As obras na BR 434 começaram no mês de maio de 2010, e recursos foram destinados através da emenda parlamentar do Deputado Federal da época, Wilson Santiago (PMDB) que possibilitou a federalização dos 19 km da estrada e a destinação de R$ 24 milhões de recursos da União para realização da obra.

A obra de pavimentação asfáltica da BR 434 beneficia diretamente as cidades de Uiraúna, Joca Claudino, Bernardino Batista e Poço Dantas

Ouça o áudio:

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

Recomendado para você pelo google

EXCLUSIVO

Presidente reafirma proibição de arma na assembleia, fala da Operação Calvário e cortes de gabinetes

VÍDEO

Governador João Azevêdo fala sobre o afastamento político com Ricardo Coutinho e mudanças no Governo

TRAGÉDIA

VÍDEO E FOTOS: Delegado dá detalhes do grave acidente próximo a parque de vaquejada em Cajazeiras

ESPERANÇA

VÍDEO: Presidente da OAB declara que luta pela permanência da Vara do Trabalho de Cajazeiras não acabou