header top bar

section content

Anna Apolinário é convidada do Sarau Poético do Cearte no Dia Internacional da Poesia

A apresentação será realizada na sede do Cearte, no Grupo Escolar Thomaz Midelo, no Centro de João Pessoa.

Por Priscila Belmont

21/03/2018 às 11h25

Anna Apolinário é convidada do Sarau Poético do Cearte

O Centro Estadual de Arte (Cearte) promove nesta quarta-feira (21), das 16h30 às 17h30, o primeiro Sarau Poético do ano. O Sarau que acontecerá no Dia internacional da Poesia terá como convidada especial a escritora paraibana Anna Apolinário. A entrada é franqueada ao público. A apresentação será realizada na sede do Cearte, no Grupo Escolar Thomaz Midelo, no Centro de João Pessoa.

O Sarau Poético tem o objetivo de difundir a literatura Paraibana e faz parte das atividades do Núcleo da Palavra, que por sua vez é derivado da área de literatura do Cearte.

O encontro pretende estimular a criação poética, a expressão artística por meio da palavra como linguagem de Arte, e valorizar a leitura e a escrita para exercitar a interpretação dentro das demais áreas de linguagens deste Centro/Escola de Arte.

Historicamente, o Sarau começou nos grandes salões dos reis, na Europa. Chegou ao Brasil nos séculos XVIII e XIX, quando os artistas tratavam de mostrar seus trabalhos com a palavra. Podiam ser poesias, músicas, ou outra forma de arte. Depois sempre havia um momento para discutir as obras e entende-las.

Desde que foi iniciado no Cearte, o Sarau Poético tem crescido em público e mantém a participação aberta a pais de alunos e amigos.

Como funciona

Normalmente, o Sarau Poético escolhe um convidado para homenagear. Após a escolha, os grupos da escola estudam a obra e as poesias do escolhido e apresentam trabalhos para expressar ou traduzir como veem os poemas. Podem ser apresentados exercícios de pintura, desenho, ou de escultura como releitura da obra.

Outra atividade realizada pelo Núcleo é o Desafio da Palavra, que significa deixar que uma arte visual inspire criações escritas. Obras de pintura ou escultura são expostas durante uma semana. Os alunos veem a obra e escrevem sobre. No dia do Sarau, se quiserem, podem compartilhar o que escreveram.

Sobre a Autora:

Ana Apolinário é contista e poetisa e nasceu em João Pessoa em 28 de julho de 1986. Licenciada em Pedagogia pela UFPB, é especialista em Língua, Literatura e Linguagem. Autora dos livros “Solfejo de Eros” (CBJE, 2010), “Mistras” (Prêmio Literário Augusto dos Anjos, edições Funesc, 2014) e “Zarabatana” (Editora Patuá, 2016). Participou da antologia de contos, “Ventre Urbano” (Editora Penalux, 2016). É co-organizadora do Sarau Selváticas de autoria feminina.

Secom PB

Recomendado para você pelo google

DESMITIFICANDO!

ASSISTA: Médico e ex-prefeito de Cajazeiras esclarece polêmicas que envolvem o tratamento ‘eletrochoque’

CRÍTICAS A IMÓVEL ALUGADO

VÍDEO: Interdição de escola gera embate entre professores e gerente de Educação na cidade de Cajazeiras

ACIDENTE DE MOTO

EXCLUSIVO: Do hospital, Paulo Feitoza revela que quase ficou paraplégico e diz que está vivo por milagre

NA TV

VÍDEO: Casal de idosos volta a fazer apelo para reformar casa que corre risco de desabar em Cajazeiras