header top bar

section content

Bebê de apenas 2 meses quase perde os quatro dedos do pé por causa de fio de cabelo da mãe

Circulação foi cortada por quase 14 horas, segundo cálculo Alex Upton, que não conseguia fazer a criança parar de chorar

Por Hora 7

03/10/2018 às 08h30 • atualizado em 03/10/2018 às 08h54

Apesar do susto, o bebê passa bem(Foto: Reprodução/Facebook/Alex Upton)

Uma mãe de 26 anos, viveu um caso assustador e um tanto inusitado. Seu bebê de 10 semanas quase perdeu quatro dedos do pé esquerdo porque um fio de cabelo dela enrolado prendeu a circulação por mais de 12 horas.

A mãe, que mora na cidade inglesa de Devon, só descobriu o problema quando o bebê, não parava de gritar por nada. E ainda se recusou a beber leite. Foi aí que ela percebeu o problema.

Ao examinar o corpo da criança, viu quatro dedos vermelhos e inchados no pé.

E percebeu que um fio de cabelo cortara quase toda a circulação dos dedos do bebê.

Ela calculou o tempo do problema em “de 12 a 14 horas”.

O problema é chamado na área médica de “Síndrome do torniquete do cabelo” e é mais comum dos que se imagina. Há casos de bebês com fios impedindo a circulação até da língua.

A mãe afirmou que agora vai “verificar sempre todas as partes do corpo da criança”.

“Me senti horrível”, afirmou ao jornal inglês Mirror.

Apesar do susto, o bebê passa bem(Foto: Reprodução/Facebook/Alex Upton)

“É possível que ele tivesse perdido os dedos e eu não percebi”, lamentou ela.

O importante, nesses casos, é verificar também a rotina do bebê, se ele está se alimentando ou chorando demais. E ficar de olho em possíveis fios de cabelo em seu corpo.

Fonte: Hora 7 - https://noticias.r7.com/hora-7/fotos/bebe-quase-perde-quatro-dedos-do-pe-por-causa-de-fio-de-cabelo-da-mae-03102018#!/foto/4

DEPENOU O GALO

VEJA OS GOLS: Atlético de Cajazeiras vence o Treze de Campina e assume a liderança isolada do Paraibano

NA TELA DA TV DIÁRIO

Diário Esportivo traz tudo sobre a 2ª rodada do Paraibano; Tático narra gol da vitória do Atlético

SE CUIDE!

VÍDEO: No Janeiro Branco, Diversidade em Foco promove uma ‘Conversa sobre suicídio e como evitá-lo?’

RECONHECIMENTO

Prefeito de Sousa garante ajuda mensal ao médico cubano: “Eu irei ajudá-lo em todos os momentos”