header top bar

section content

Canadense recebe proteção após herdar medalha e sofrer ameaças

Torcedores sul-coreanos ameaçaram Boutin por ter se envolvido na disputa que gerou a desclassificação da atleta Choi Min-Jeong, que era uma das favoritas ao ouro

Por Globo Esporte PB

14/02/2018 às 10h13

© REUTERS

A canadense Kim Boutin recebeu proteção particular após receber ameaças nas redes sociais. Boutin competiu nos 500m dos jogos de Inverno, na modalidade patinação em velocidade no gelo, e herdou medalha de bronze.

Torcedores sul-coreanos ameaçaram Boutin por ter se envolvido na disputa que gerou a desclassificação da atleta Choi Min-Jeong, que era uma das favoritas ao ouro.

Min-Jeong foi flagrada empurrando Boutin em determinado momento da prova. A sul-coreana havia terminado os 500m em segundo lugar, mas foi eliminada após conferência da arbitragem. Com isso, Boutin ganhou a medalha de bronze. O ouro ficou com a italiana Arianna Fontana.

Com medo após ser ameaçada de morte, a competidora do Canadá encerrou suas contas nas redes sociais. O Comitê Olímpico Internacional emitiu comunicado pedindo para que o público respeite os atletas dos Jogos.

“Não podemos controlar as mídias sociais, mas o público deve respeitar os atletas”, informou o porta-voz do COI, Mark Adams.

Fonte: Globo Esporte PB - https://www.noticiasaominuto.com.br/esporte/522569/canadense-recebe-protecao-apos-herdar-medalha-e-sofrer-ameacas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco

SERTÃO PRESTIGIADO

VÍDEO: Com cajazeirense na vice-presidência, OAB-PB empossa os eleitos para comandar a instituição