header top bar

section content

Presidente do Campinense define passagem de Celso Teixeira pela Raposa: “Nem Jesus aguentaria”

Simões explica que o agora ex-treinador rubro-negro gerava um clima tumultuado nos bastidores do clube e que era preciso mudar o comando para a situação não piorar

Por Globo Esporte PB

01/03/2018 às 09h47

O presidente do Campinense falou pela primeira vez após a demissão do técnico Celso Teixeira

O presidente do Campinense falou pela primeira vez após a demissão do técnico Celso Teixeira e deixou claro que o ambiente conturbado, criado pelo treinador, segundo o dirigente, foi o principal responsável pela saída de Celso do comando raposeiro. William assegurou que nos quase três meses que Celso passou à frente do elenco rubro-negro, poucos foram os dias em que houve tranquilidade no ambiente do Alto da Bela Vista.

– Apesar de ter deixado a equipe na primeira colocação da tabela, coisa que a gente tem muito que agradecer, nesses quase três meses que Celso Teixeira ficou aqui no comando do Campinense, tudo foi muito tumultuado. É o tipo de ambiente impossível de se trabalhar. Acho que nem Jesus Cristo aguentaria ficar aqui com Celso. Por isso a gente decidiu fazer essa mudança, até para tentar manter a equipe no rumo certo e na busca pelos objetivos da temporada – comentou o presidente rubro-negro.

A saída de Celso Teixeira do cargo de técnico do Campinense foi confirmada no começo da tarde da última segunda-feira e, logo em seguida, também foi demitido o gerente de futebol Marquinhos Marabá. Para comandar o time do banco de reservas, a Raposa agiu rápido e ainda na segunda-feira anunciou o técnico Ruy Scarpino, que foi apresentado e já comandou o primeiro treinamento com o elenco no Estádio Renatão.

Atual líder do Grupo A do Campeonato Paraibano, o Campinense volta a campo no domingo, quando encara o Treze no Clássico dos Maiorais válido pela décima e última rodada da primeira fase da competição estadual. O Rubro-Negro precisa de uma vitória para, sem depender de outros resultados assegurar a primeira posição e também a passagem direta para a fase de semifinal. O jogo está marcado para começar às 16h.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/pb/futebol/times/campinense/noticia/simoes-define-passagem-de-celso-teixeira-pela-raposa-nem-jesus-aguentaria.ghtml

DIRETO AO PONTO

Eleitos em Cajazeiras devem se comprometer com aeródromo, estrada de Boqueirão e hospital, diz colunista

OLHARES DA EXPERIÊNCIA

VÍDEO: No dia dos professores, educadoras de Cajazeiras falam sobre prazeres e desafios da profissão

'NOVA SOUSA'

EXCLUSIVO: Europeu explica por que escolheu Sousa para um dos maiores empreendimentos da região Nordeste

AÇÃO SOCIAL

VÍDEO: Igreja evangélica distribui alimentos e roupas para famílias carentes em bairro de Cajazeiras