header top bar

section content

Coronel Sobreira é apresentado e fala em recuperar credibilidade da arbitragem

Novo presidente da Comissão de Arbitragem de Futebol da Paraíba deu sua primeira entrevista coletiva no cargo e diz estar atento à operação que investiga árbitros e clubes paraibanos

Por Globo Esporte PB

24/04/2018 às 09h29

Foto: Lucas Barros / TV Cabo Branco

Em entrevista coletiva realizada na tarde desta segunda-feira, na Caixa Beneficente da Polícia Militar, em João Pessoa, os dois novos integrantes da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (Ceaf-PB), coronel Marcos Sobreira e major Juceilton Soares foram oficialmente apresentados para o público. Os dois militares assumem o comando da Ceaf-PB após a queda de José Renato, ex-presidente da Comissão e um dos investigados pela Operação Cartola, que apura a existência de uma suposta quadrilha que manipulava resultados de jogos. Escolhido como o novo presidente, coronel Sobreira falou que o seu maior desafio no cargo será recuperar a credibilidade da arbitragem paraibana.

De acordo com o agora dirigente de futebol, o momento atual é bem complicado para a arbitragem. Em sua primeira entrevista na nova função, o coronel fez questão de explicar que o trabalho à frente da Ceaf-PB será marcado pela honestidade.

– É um desafio. Não por estar na comissão, mas pelo contexto da arbitragem no cenário nacional. De forma comprometida, responsável, vamos assumir pra fazer o trabalho que tem que ser feito. Não costumo inventar a roda por onde passo, mas procuro fazer com uma lógica coerente. Temos que atender os anseios do torcedor, de uma arbitragem honesta – disse Sobreira.

O novo presidente da Ceaf-PB falou também em como recuperar a credibilidade do órgão auxiliar da Federação Paraibana de Futebol (FPF), que é um dos principais alvos da Operação Cartola. Ainda de acordo com o coronel Sobreira, essa construção não deve ser rápida.

– Se você pegar a realidade do Brasil, são poucas as coisas que têm credibilidade hoje em dia no país, diante do que vemos, da fama do brasileiro e da inversão de valores que existe. Mas agora não adianta falar do passado. Acho que precisamos pensar para frente. Colocar mais lisura e transparência na Comissão. Foi um processo que aconteceu para que a arbitragem paraibana chegasse nessa condição (falta de credibilidade). Para desfazer isso também demanda tempo e muito esforço – explicou.

Ainda sobre a investigação policial que mira o futebol paraibano e, mais especificamente, a arbitragem local, o presidente da Ceaf-PB lembrou que está atento, mas que, até que se prove o contrário, todo mundo é inocente.

– Está acontecendo uma investigação, mas não podemos antecipar os fatos e fazer juízo de valor com antecedência. Todo brasileiro tem seu direito de defesa. Ao final, a gente vai ver o que foi apurado e constatado, para tomarmos outras medidas – disse Sobreira.

Ainda esteve presente na reunião o presidente do Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado da Paraíba (Sinafep), Emanuel Diniz, que também é do quadro nacional e estadual de arbitragem. O presidente da FPF, Amadeu Rodrigues, não se fez presente na apresentação.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/pb/noticia/coronel-sobreira-e-apresentado-e-fala-em-recuperar-credibilidade-da-arbitragem.ghtml

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras