header top bar

section content

Exame detecta estiramento, e São Paulo perde Everton por até três semanas

Jogador saiu com dores na coxa esquerda no segundo tempo contra o Ceará

Por GE

28/08/2018 às 08h00 • atualizado em 27/08/2018 às 20h21

Everton (Foto: Leandro Bernardes / Estadão)

O São Paulo vai ficar sem o meia-atacante Everton por até três semanas. Exames realizados nesta segunda-feira detectaram um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda do jogador. Ele foi substituído com dores na coxa durante a vitória por 1 a 0 sobre o Ceará, no último domingo, no Morumbi.

Independentemente da lesão, Everton já seria desfalque contra o Fluminense, no próximo domingo, também no Morumbi, por ter recebido o terceiro cartão amarelo. Além do duelo diante dos cariocas, pode perder os confrontos contra Atlético-MG e Bahia, retornando no clássico contra o Santos, dia 16 de setembro.

Para substituir Everton, Aguirre tem alternativas: ele pode usar Everton Felipe na função, ou novamente Régis na lateral direita, com Bruno Peres adiantado na segunda linha, ou Edimar na lateral esquerda, com Reinaldo mais adiantado.

Além de não contar com Everton, o técnico Diego Aguirre também não terá Nenê e Jucilei. Hudson, com dores no joelho direito, ficou no Reffis nesta segunda-feira e segue como dúvida.

O elenco do São Paulo folga nesta terça-feira e retorna aos trabalhos na tarde de quarta-feira. O Tricolor está na liderança do Brasileirão, com 45 pontos, três acima do Internacional.

Fonte: GE - https://globoesporte.globo.com/futebol/times/sao-paulo/noticia/exame-detecta-estiramento-e-sao-paulo-perde-everton-por-ate-tres-semanas.ghtml

DEPENOU O GALO

VEJA OS GOLS: Atlético de Cajazeiras vence o Treze de Campina e assume a liderança isolada do Paraibano

NA TELA DA TV DIÁRIO

Diário Esportivo traz tudo sobre a 2ª rodada do Paraibano; Tático narra gol da vitória do Atlético

SE CUIDE!

VÍDEO: No Janeiro Branco, Diversidade em Foco promove uma ‘Conversa sobre suicídio e como evitá-lo?’

RECONHECIMENTO

Prefeito de Sousa garante ajuda mensal ao médico cubano: “Eu irei ajudá-lo em todos os momentos”