header top bar

section content

Defesa sustenta 2º lugar do Inter e persegue marca de time campeão mundial

Em 2006, Colorado ficou oito jogos sem sofrer gol no Brasileirão; no momento, são sete

Por GE

03/09/2018 às 08h55

Internacional (Foto: Ricardo Duarte / Internacional)

O Inter não cansa de perseguir recordes no Campeonato Brasileiro de 2018. Após quase igualar a série invicta de 2005, busca agora uma nova marca. E de respeito, digna de time campeão do mundo. Em 2006, a equipe comandada por Abel Braga ficou oito jogos sem sofrer gols na Série A. No momento, a defesa de Odair Hellmann acumula uma sequência de sete partidas de invencibilidade. A solidez defensiva é um dos trunfos da atual equipe na briga pelo título nacional.

O sistema defensivo colorado foi mais uma vez o fiel da balança no 0 a 0 com o Cruzeiro, na noite de domingo, no Mineirão. O goleiro Marcelo Lomba fez pelo menos quatro intervenções para segurar o ataque da Raposa, enquanto o zagueiro Emerson Santos – substituto do suspenso Rodrigo Moledo – teve atuação destacada, tanto por baixo quanto por cima. O resultado manteve o Colorado em segundo lugar, a três pontos do líder São Paulo.

– Não perdemos mais um jogo, não tomamos gols em mais uma partida. Dos últimos quatro jogos fora de casa, são três vitórias e um empate. Isso para dizer que a equipe está consistente, forte. O Cruzeiro usou de muita bola aérea, porque tem um time forte nesse sentido, pesado, tanto em bola parada quanto alçada – destaca o técnico Odair Hellmann.

Com o resultado de Belo Horizonte, o Inter soma sete compromissos sem ser vazado no Brasileirão. A equipe que mais chegou perto é o Palmeiras, com seis. Na sequência, aparecem Flamengo e Grêmio (cinco), o líder São Paulo e o Atlético-PR (quatro). Em 2006, entre a 28ª e a 35ª rodadas, a equipe que seria campeã mundial ficou oito partidas sem buscar a bola no fundo da rede pelo Brasileirão, um recorde na era dos pontos corridos.

Uma grande marca. É isso que vem nos credenciando ao longo do campeonato: tomamos poucos gols, somos a segunda melhor defesa (Roberto Melo, vice de futebol)

Séries sem sofrer gols
Inter: 7 partidas
Palmeiras: 6 partidas
Grêmio e Flamengo: 5 partidas
São Paulo e Atlético-PR: 4 partidas

O Colorado está atrás apenas do Grêmio entre as melhores defesas da competição. São 12 gols sofridos contra 11 do maior rival. Desde o segundo tento do América-MG, na derrota por 2 a 1, pela 15ª rodada, soma 686 minutos com a defesa zerada. Há 12 anos, o goleiro Renan contabilizou 787 minutos.

– Não adianta só se defender e não ganhar jogos. Acho que o equilíbrio nosso faz a diferença. Temos uma estratégia bem usada fora de casa que está dando resultado. Por isso os adversários têm dificuldade para fazer gols em nós. E por isso temos ganhado jogos, porque produzimos ofensivamente – salienta Odair.

Para igualar o recorde do time de Abel Braga, o Inter não poderá deixar o Flamengo superar Marcelo Lomba. O clube carioca, rival direto na ponta de cima da tabela, é o próximo adversário. O duelo está marcado para as 21h45, no Beira-Rio. O Colorado se mantém na segunda colocação, com 43 pontos, três a menos do líder São Paulo.

Fonte: https://globoesporte.globo.com/rs/futebol/times/internacional/noticia/defesa-sustenta-2o-lugar-do-inter-e-persegue-marca-de-time-campeao-mundial.ghtml

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras