header top bar

section content

Paraibano Alberto Miná revela volta ao octógono do UFC ainda no ano de 2018

Lutador perdeu seu último confronto, a primeira derrota de sua carreira.

Por GE

16/09/2018 às 10h09

Alberto Miná confirmou mais uma luta no UFC nesse ano de 2018 — Foto: Silas Batista / GloboEsporte.com

Um dos principais nomes do Brasil no Ultimate Fighting Championship (UFC) e em Campina Grande, sua terra natal, para participar de um seminário solidário sobre MMA, Alberto Miná confirmou que ainda nesse ano vai voltar ao octógono do UFC. Ainda sem poder confirmar a data e o local do evento, Miná garantiu que já vem intensificando sua preparação e que quer apagar a atuação que teve na derrota para o russo Ramazan Emeev, no UFC Rio 9 em maio deste ano.

– Na verdade é uma questão que o UFC precisa se posicionar antes, mas a gente tem intensificado a preparação porque tem uma luta marcada ainda para esse ano. Em breve vai haver uma divulgação maior, mas eu posso adiantar que a preparação já está sendo feita e não vai demorar muito para voltar ao octógono – comentou o lutador paraibano em entrevista à Rádio CBN de Campina Grande nesta quinta-feira.

Alberto Miná vai ser um dos professores em um aulão solidário de MMA que vai acontecer nesta sexta-feira, a partir das 19h, em Campina Grande. O evento, que é aberto ao público em geral, tem como principal finalidade arrecadar recursos para ajudar no custeio do tratamento de um atleta campinense de jiu-jitsu que está enfrentando alguns problemas de saúde.

Fonte: GE - https://globoesporte.globo.com/pb/noticia/paraibano-alberto-mina-revela-volta-ao-octogono-do-ufc-ainda-no-ano-de-2018.ghtml

PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde