header top bar

section content

VÍDEO: Medalhista olímpico diz que duplas de vôlei de praia precisam de parcerias mais duradouras

Para o ex-atleta, um dos fatores de não ter conseguido o ouro no vôlei de praia este ano, diz respeito ao pouco tempo de treinamento juntos

Por Luiz Adriano

01/10/2021 às 18h29 • atualizado em 01/10/2021 às 21h10

O ex-medalhista Olímpico de vôlei de praia, Emanuel rego, participou do programa Balanço Diário da TV Diário do Sertão. Durante o bate papo, Emanuel comentou a respeito dos resultados negativos das duplas que representaram o Brasil nas Olimpíadas 2020 realizadas este ano em Tóquio, no Japão.

Para o ex-atleta, um dos fatores de não ter conseguido o ouro no vôlei de praia, diz respeito ao pouco tempo de treinamento juntos. Ele deu exemplos das duplas medalhistas e falou que o correto é não deixar para firmar parcerias pouco tempo antes das competições.

VEJA TAMBÉM

Evandro e Bruno Schmidt seguem invictos no vôlei de praia

Participação de Emanuel Rego no Balanço Diário.

“As duplas que ficam mais tempo jogando juntas elas conseguem evoluir mais rápido, porque elas passam por desafios juntos que são importantes para uma interação da dupla, e isso não aconteceu com as duplas que foram para essa olimpíada, praticamente todas foram formadas em 2019”, ressaltou.

Ele reforçou também que outros países tem copiado a maneira dos atletas brasileiros jogarem, e para isso, tem buscado aqui no Brasil treinadores para dar esse suporte, segundo ele, esse seria um ponto que levou a melhoria técnica das equipes europeias.

“Os europeus melhoraram muito, eles vieram ao Brasil depois das olimpíadas de 2016 e levaram muitos dos nossos técnicos, a nossa tecnologia, a nossa forma de treinar, então eles aprenderam com nosso modelo…isso foi o que aconteceu, ficou muito nítido para mim”, explicou.

TÓQUIO 2021

A dupla Alison e Álvaro foram desclassificados nas quartas de final, enquanto que Bruno e Evandro já tinham dado adeus à competição nas oitavas de final. No feminino, Ágatha e Duda também saíram nas oitavas e Ana Patrícia e Rebecca pararam nas quartas.

DIÁRIO ESPORTIVO

DE PARABÉNS

VÍDEO: João Azevêdo parabeniza Patos pelos 118 anos e destaca investimentos superiores a R$ 320 milhões

AUTOMÓVEL DESTRUÍDO

VÍDEO: Acidente com capotamento é registrado na BR-230 em Cajazeiras e motorista é socorrido ao HRC

AÇÃO RÁPIDA

VÍDEO: Bandidos invadem residência em Pombal durante a madrugada e PM consegue impedir ação de meliantes

SUCESSO

VÍDEO: Acústico Diário recebe dupla da região de Sousa pela segunda vez e programa bomba em audiência

Recomendado pelo Google: