header top bar

section content

Na tribuna: Raimundo Lira destaca a qualidade de vida de quem mora em João Pessoa e cita desafios para o futuro da cidade

Ao se dirigir aos colegas senadores, ele enfatizou que esses fatores colaboraram para que a cidade fosse considerada, pela organização International Living, em 2012

Por

06/08/2015 às 15h48

Raimundo Lira destaca a qualidade de vida de quem mora em João Pessoa

Em pronunciamento na Tribuna do Senado Federal, o senador Raimundo Lira (PMDB-PB) destacou nesta quarta-feira (05) a qualidade de vida da cidade, considerada uma das mais arborizadas das Américas. Lira lembrou que João Pessoa é conhecida pelo cuidado com o meio ambiente e que, por sua área verde, já foi considerada pela ONU a mais arborizada das Américas e uma das maiores relações ‘árvore por habitante’ do mundo.
 
Além disso, segundo Lira, João Pessoa conta com duas grandes reservas de Mata Atlântica: o Parque Arruda Câmara (segunda floresta urbana do Brasil); e a Mata do Buraquinho, que refletem a preocupação constante do paraibano com a natureza e, por consequência, com sua qualidade de vida.
 
Ao se dirigir aos colegas senadores, ele enfatizou que esses fatores colaboraram para que a cidade fosse considerada, pela organização International Living, em 2012, um dos melhores lugares para desfrutar a aposentadoria. O fato de que somente duas cidades brasileiras estão no ranking, João Pessoa e Fortaleza, ressalta a importância desse título.
 
Raimundo Lira reconheceu, no entanto, que com o crescimento da população, surgiram desafios a serem vencidos e um deles, segundo Lira, se refere à mobilidade urbana, apontada pelos paraibanos como um dos principais problemas de infraestrutura na cidade. “Gostaria de ressaltar que João Pessoa ainda tem muitos problemas a serem superados. Mas tem muito mais com o que se orgulhar. Tenho a convicção de que a sua população é a sua maior riqueza”.
 
Destaque Econômico – Economista e empresário, Lira também destacou a importância econômica de João Pessoa para a Paraíba e região. Segundo ele, a capital foi uma das cidades nordestinas que mais cresceram nos últimos anos. “Economicamente, João Pessoa também foi uma das capitais nordestinas que mais cresceram, no setor industrial, comercial e principalmente, imobiliário. Muitos edifícios já dominam sua paisagem e as construções, em geral, possuem diferenciais, como alta tecnologia e sustentabilidade”.
 
Ele também citou estudo divulgado neste ano segundo o qual João Pessoa foi incluída entre dez cidades, com menos de 1 milhão de habitantes, com as condições ideais para investimento no mercado imobiliário. Do ponto de vista geográfico, Lira lembrou que a cidade tem localização privilegiada e é conhecida como a ‘Porta do Sol’, devido à Ponta do Seixas, onde o sol nasce primeiro nas Américas e, por isso, é também o Município mais próximo da África e da Europa, o que lhe confere posição estratégica.
 
Já no turismo, é considerada um dos principais destinos do Nordeste, destacando-se por suas nove praias de águas mornas e tranquilas e por sua gastronomia. “O acervo cultural e a estrutura arquitetônica também impressionam qualquer visitante. São igrejas barrocas, casarios coloniais e um folclore de identidade própria. Em João Pessoa, a música está presente no cotidiano das pessoas. O turista que vai à cidade encontra desde instrumentistas tradicionais e repentistas até apresentações de música clássica”, citou.
 
Raimundo Lira também destacou as comemorações da Festa de Nossa Senhora das Neves, entre outros eventos turísticos. O discurso foi proferido por ocasião da comemoração do aniversário de 430 anos da cidade
 
Assessoria de Imprensa
Gabinete do Senador Raimundo lira – PMDB/PB

Tags:
SHOW AO VIVO

VÍDEO: Banda da cidade de Baixio, no Ceará, agita o programa Balanço Diário com sucessos do forró

PROGRAMA PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Professora e alunos falam sobre a importância da campanha Setembro Amarelo para prevenir suicídio

SETEMBRO AMARELO

VÍDEO: Médico psiquiatra e padre de Cajazeiras debatem sobre causas, efeitos e prevenção ao suicídio

ENTREVISTA

VÍDEO: Pastor declara que católicos e evangélicos do Brasil devem se unir contra partidos de esquerda