header top bar

section content

Secretário do Estado diz que Segurança foi desestruturada por Cássio

A desestruturação da Segurança no governo Cássio proporcionou o surgimento na Paraíba de novas modalidades de crime organizado, segundo Luis Torres

Por

16/05/2014 às 17h37

Secretário usou recortes de jornais

O Secretário de Comunicação do Estado, jornalista Luis Torres, apresentou recortes de jornais para rebater críticas do senador Cássio Cunha Lima aos investimentos do Governador Ricardo Coutinho  na área de Segurança: O Secretário ressaltou que não se deve estar politizando uma questão como esta porque o povo tem memória: “Quando Cássio assumiu o governo a média era de 600 homicídios por ano, passou para 1.200 ao término do governo dele”.

O Secretário lembrou que Cássio governou em permanente confronto com a Polícia e apresentou manchete do jornal Correio da Paraíba, de 2003, com o título “Cássio não paga, PMs ameaçam greve e oficiais exigem promoção”.

A desestruturação da Segurança no governo Cássio proporcionou o surgimento na Paraíba de novas modalidades de crime organizado, segundo Luis Torres, “vejam esta reportagem do Correio, de 2003, quando começou a acontecer aqui o arrastão, a matéria reporta um arrastão em plena festa de vaquejada, no Parque Júlio Goiaba, sítio Jenipapo, em Campina Grande”.

Agência de Notícias

Tags:
QUARTO EPISÓDIO

Em homenagem ao Dia das Crianças, programa Coisas de Cajazeiras entrevistou uma turma esperta e antenada

EMOÇÃO E REVOLTA

VÍDEO: Após um ano e três meses, Victória Albuquerque é sepultada sob lágrimas e protestos em Cajazeiras

CRISE?

VÍDEO: Empresário afirma que tem vagas de emprego em Cajazeiras, mas faltam profissionais capacitados

DIRETO AO PONTO

Eleitos em Cajazeiras devem se comprometer com aeródromo, estrada de Boqueirão e hospital, diz colunista