header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Cajazeiras: Novas regras fazem candidatos recuarem e governo é obrigado a “manter benefícios”

Jarismar disse que, essa nova regra acaba prejudicando quem está no poder.

Por

06/10/2015 às 16h45

O radialista Jarismar Pereira de Cajazeiras em seu comentário Direto ao Ponto para a TV Diário do Sertão nesta terça-feira (06) falou sobre a nova reforma eleitoral que, permite aos candidatos se filiarem seis meses antes das eleições e não um ano, como antes. Para Jarismar, a decisão levou candidatos, pré-candidatos e autoridades envolvidas na política a recuarem de seu posicionamento.

Segundo Jarismar, já havia suplente que tinha decidido para qual partido ia e membros da situação e oposição que iam “mudar de lado”, mas todos recuaram. “Se eu tenho um tempo a mais para manter meu posicionamento político, vou é manter meus benefícios”, disse.

Jarismar disse que, essa nova regra acaba prejudicando quem está no poder. “Vão ter que aguentar comissionados e manter os benefícios dessas pessoas. Se a mudança de partido fosse agora, muitos pulariam fora, mas vai até abril, segurando o prazo pra continuar enrolando”, afirmou.
 
O radialista citou o exemplo do vereador Alysson Lira (Neguim do Mondrian – PDT) que, segundo ele, se filiou em partido aliado da prefeita de Cajazeiras, Denise Albuquerque (PSB), colocando em dúvida o presidente do partido, mas, sabendo que ainda pode sair. “Ele fica a vontade, sem ninguém mexer em seu mandato e só deve mudar no final do prazo”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
NA PARAÍBA

OPINIÃO: Atraso de salários e falta de obras podem custar derrotas em 2020 a prefeitos do Alto Sertão

FIM DA NOVELA

VÍDEO: Irmãos Lira permanecem no comando do Atlético de Cajazeiras e já anunciam 17 jogadores de fora

REPORTAGEM ESPECIAL

VÍDEO: Igualdade de direitos entre brancos e negros é mito, afirma ativista social de Cajazeiras

OPORTUNIDADE

VÍDEO: Primeira etapa de venda do melhor loteamento do Sertão da PB continua aberta; saiba as vantagens