header top bar

section content

Cajazeiras: Novas regras fazem candidatos recuarem e governo é obrigado a “manter benefícios”

Jarismar disse que, essa nova regra acaba prejudicando quem está no poder.

Por

06/10/2015 às 16h45

O radialista Jarismar Pereira de Cajazeiras em seu comentário Direto ao Ponto para a TV Diário do Sertão nesta terça-feira (06) falou sobre a nova reforma eleitoral que, permite aos candidatos se filiarem seis meses antes das eleições e não um ano, como antes. Para Jarismar, a decisão levou candidatos, pré-candidatos e autoridades envolvidas na política a recuarem de seu posicionamento.

Segundo Jarismar, já havia suplente que tinha decidido para qual partido ia e membros da situação e oposição que iam “mudar de lado”, mas todos recuaram. “Se eu tenho um tempo a mais para manter meu posicionamento político, vou é manter meus benefícios”, disse.

Jarismar disse que, essa nova regra acaba prejudicando quem está no poder. “Vão ter que aguentar comissionados e manter os benefícios dessas pessoas. Se a mudança de partido fosse agora, muitos pulariam fora, mas vai até abril, segurando o prazo pra continuar enrolando”, afirmou.
 
O radialista citou o exemplo do vereador Alysson Lira (Neguim do Mondrian – PDT) que, segundo ele, se filiou em partido aliado da prefeita de Cajazeiras, Denise Albuquerque (PSB), colocando em dúvida o presidente do partido, mas, sabendo que ainda pode sair. “Ele fica a vontade, sem ninguém mexer em seu mandato e só deve mudar no final do prazo”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

HOMENAGEM

VÍDEO: Xeque Mate homenageia mototaxistas e entrevista a única mulher mototaxista de Cajazeiras

HOMENAGEM

VÍDEO: Com música ao vivo, programa Diversidade em Foco faz reflexão sobre o Dia das Mães; Assista!

EXCLUSIVO

Presidente reafirma proibição de arma na assembleia, fala da Operação Calvário e cortes de gabinetes

VÍDEO

Governador João Azevêdo fala sobre o afastamento político com Ricardo Coutinho e mudanças no Governo