header top bar

section content

Cássio fala da insegurança na PB, confirma apoio a André em Sousa e Zé Aldemir em Cajazeiras e manda recado para Ricardo Coutinho

O tucano pediu ao Governador que convoque os concursados da Polícia Militar para melhorar a segurança no Estado

Por

11/07/2015 às 23h32

O Senador Cássio Cunha Lima (PSDB) esteve neste final de semana participando das festividades alusivas aos 161 anos da cidade de Sousa.

Durante sua passagem na cidade Sorriso, Cássio prestou entrevista aos meios de comunicação, onde disse que a situação é de caos na segurança da Paraíba e falta humildade do Governo do Estado em reconhecer o problema, o que torna a situação ainda mais grave.

“Cresceu a população, aumentou a criminalidade, disparou a violência e as polícias diminuíram de tamanho, é claro que isso não pode dar certo”.  

Cássio cobrou ao Governador seu compromisso de campanha de convocar os habilitados do concurso da polícia Militar, para que haja um reforço do contingente policial e a população tenha o mínimo de segurança, onde segundo ele, nos dias atuais não está havendo. 

Cássio respondeu a Ricardo Coutinho, que em entrevista na Capital disse que o Tucano “estava com dor de cotovelo”; Cássio disparou contra ao socialista: “Nós vencemos no primeiro turno e Ricardo só ganhou as eleições porque teve o apoio do PMDB e do PT; ao logo de sua trajetória ele sempre teve que se aliar a alguém, pois sozinho ele não ganha eleição”.

Sobre as eleições do próximo ano, o Senador disse que o PSDB terá candidatura própria em João Pessoa e fará alianças em Sousa com André Gadelha (PMDB) e em Cajazeiras com José Aldemir (PEN). 

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

Radialista sousense fala de política e manda recado à eleitores: “Esqueçam a paixão, valorizem o voto”

FEIRA DE EMPREENDIMENTOS

VÍDEO: Prefeitura de Itaporanga suspende parceria, mas gerente do Sebrae garante realizar a Inovale 2019

CASO DE POLÍCIA

VÍDEO! Mulher invade igreja pela 2ª vez em menos de 24 horas em Sousa: “Ela sofre Bullyng”, diz irmão.

PREOCUPADO

VÍDEO: Padre pede paz e respeito ao próximo após fim de semana de tragédias em Cajazeiras e região