header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Vereador da situação diz que foi barrado durante festa junina: Todos deveriam ter o mesmo espaço. Confira!

Na postagem, ele argumentou que a proposta de acesso livre dos vereadores a todos os setores do São João é para “acompanhar e inspecionar a festa"

Por

23/06/2015 às 11h48

O vereador Rostand Paraíba (PRB),  do município de Campina Grande, disse essa semana ao portal A NoticiaTV, que todos os os políticos da Câmara Municipal deveriam ter pelo menos 10 convites de acesso aos camarotes, por dia, para não ter que ficar em meio à multidão do Parque do Povo, no São João da cidade. 

De acordo com a gravação postada no canal ‘Trolando FutebolPB’, no YouTube, e disseminada no Facebook e no WhatsApp, Rostand Paraíba diz que está “sem prestígio” e que já foi “barrado” na entrada de camarotes do Parque do Povo, mesmo mostrando a identificação de que é vereador. Ele negou essa interpretação.

Ainda conforme o vídeo, ele fala que os responsáveis pelos camarotes deveriam liberar, por dia, 10 convites para que os políticos, amigos e familiares deles tenham acesso àqueles setores, sem ter que ficar em pé no meio da multidão. 

No Facebook, Rostand Paraíba disse que foi interpretado de forma errada. Segundo ele, a crítica foi em relação à “elitização da festa”. “O que eu quis argumentar, também, foi o seguinte: se temos naquele meio pessoas que não podem, por alguma limitação, estar no meio da multidão no parque do povo, por que a mesma não pode ter direito de ir para um camarote? Falei em nome das pessoas que, por não terem condições financeiras de adquirir ingressos abusivos, também possuem o direito de assistir aos espetáculos da festa de onde bem quiserem e se sentirem confortáveis”.

Na postagem, ele argumentou que a proposta de acesso livre dos vereadores a todos os setores do São João no Parque do Povo é para “acompanhar e inspecionar o modo em que esta festa, que é feita com os recursos públicos e para o povo, é produzida”. “Não tive interesse nenhum em querer ostentar bens nem status numa festa que pertence (ou deveria pertencer) ao povo”, afirmou.

DIÁRIO DO SERTÃO com portal Correio

Tags:
VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça

CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas