header top bar

section content

Cajazeiras adere a greve dos Conselhos Tutelares após assassinato de companheiros

De acordo com Socorro, conselheiros do país inteiro estão se mobilizando no intuito de conseguirem mais respeito e dignidade.

Por

12/02/2015 às 15h54

 

A conselheira tutelar de Cajazeiras, Socorro Pires falou nesta quinta-feira (12) sobre a Paralisação da Casa dos Conselhos que chegou a cidade devido ao assassinato de três conselheiros tutelares na cidade de Poção, em Pernambuco. O fato ocorreu na última sexta-feira (06).

De acordo com Socorro, conselheiros do país inteiro estão se mobilizando no intuito de conseguirem mais respeito e dignidade. “O conselheiro faz papel de psicólogo, de assistente social, de polícia e essa não é nossa tarefa”, disse.

Especificamente em Cajazeiras, Socorro destacou as dificuldades com a falta de apoio, apesar das parcerias e a luta por melhorias e equipamentos de trabalho.

Mais paralização
Os conselheiros tutelares da cidade de Aparecida também aderiram à greve.

Assista a reportagem da TV Diário do Sertão

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:
YOUTUBER DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Léo Abreu revela em quais profissões podemos encontrar psicopatas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco