header top bar

section content

A Paraíba e as soluções indefinidas

13/06/2014 às 17h46

O governador da Paraíba Ricardo Coutinho é o campeão em ordens de serviços assinadas no período de três (03) anos. Ganha de Wilson Braga que deixou seu sinal em mais 95% das cidades paraibanas, Ronaldo Cunha Lima que fez bastante, Cássio Cunha Lima que deixou várias obras na Paraíba e o construtor Zé Maranhão. A grande diferença, Ricardo assina a ordem de serviço e leva pouca sorte na conclusão. Tem muitas obras construídas e muitas paralisadas. O que está acontecendo neste governo?

Assim como a obra do esgotamento sanitário de São José de Piranhas está paralisada com apenas 50 % da obra concluída, várias obras na Paraíba se encontram na mesma situação.  Agora Vai a Pergunta: Falta de conhecimento da verdadeira situação por parte do governo do estado? Pouca sorte ou falta de competência administrativa? Cabe a quem de direito uma resposta, os paraibanos precisam saber a verdade.

O governador em sua campanha eleitoral prometeu controlar a falta de segurança na Paraíba, observamos o aumento da violência em nosso estado e com base em dados reais, noticiários de rádio, televisão e sites paraibanos, estou falando de dados comprovados. Não podemos negar o trabalho competente das polícias Civil e militar prendendo temporariamente assassinos, assaltantes perigosos, mas os mesmos estão amparados por leis caducas com mais de 50 anos, a justiça nada pode fazer a não ser cumprir a lei e aplicar penas brandas, principalmente para os de menor idade, observa-se que a maioria deles voltam no mesmo dia a cometer as mesmas barbaridades e atingindo cidadãos trabalhadores. Quando será que os nossos representantes maiores como senadores e deputados federais vão ter a coragem de reformular a lei da menor idade penal?

Os legisladores e suprema estão preocupados com outros assuntos de menor importância para o brasileiro, como a lei da disciplina entre pai e filho, tirando totalmente o pequeno poder que o chefe de família têm para com os filhos. Quero deixar claro que não sou a favor de violência, muitos filhos hoje dão depoimentos mostrando que graças a disciplina e pulso firme de seus pais, são pessoas de bem e contribui para a construção de uma sociedade melhor. São depoimentos dados pelos próprios filhos que tiveram situação de disciplina levas e rigorosas aplicadas pelos seus genitores. Por que não reformula a lei da menor idade penal? Aplica com mais rigorosidade a lei seca? Intensifica uma fiscalização mais rigorosa? Realiza blitz a 200 metros do final de uma festa? Boas perguntas que merecem não só boas respostas, mas uma ação concreta e eficaz.

A violência em nosso país está banalizada de tal forma que não temos mais tranquilidade, os bandidos estão cheios de liberdades e poder. Será que o número de bandidos no país é maior do que a quantidade de policiais? Por que será que os nossos legisladores não reformulam as leis para garantir liberdade ao cidadão? Falta coragem ou tem alguma coisa por trás desta mata? São perguntas que o brasileiro bem informado gostaria de fazer aos nossos representantes políticos. Será que este ano vão prometer um solução do problema? Já estou ouvindo os discursos bonitos, com ideias revolucionárias para combater a criminalidade no Brasil. Será que vão fazer depois de eleitos? Uma boa escolha depende somente de você.

Francisco Inácio

Francisco Inácio

Francisco Inácio de Lima Pita é Radialista e Professor Licenciado em Ciências e Biologia pela UFPB e UFCG respectivamente. Atualmente é professor da EEEM Joaquim Lacerda Leite e Escola Normal São José na cidade de São José de Piranhas – PB. Participa todos os sábados do Programa Radar 104 da Jatobá FM comentando sobre diversos assuntos

Contato: pita.sjp@ig.com.br

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

Francisco Inácio

Francisco Inácio

Francisco Inácio de Lima Pita é Radialista e Professor Licenciado em Ciências e Biologia pela UFPB e UFCG respectivamente. Atualmente é professor da EEEM Joaquim Lacerda Leite e Escola Normal São José na cidade de São José de Piranhas – PB. Participa todos os sábados do Programa Radar 104 da Jatobá FM comentando sobre diversos assuntos

Contato: pita.sjp@ig.com.br