header top bar

section content

Em casa de ferreiro, espeto de pau

16/05/2014 às 13h44

Ouvi muito a frase título deste artigo na minha infância, lá na Mooca, em São Paulo. Quando alguém dizia uma coisa e fazia outra, lá vinha a ladainha: “em casa de ferreiro, espeto de pau.”

Pois bem, ao tomar conhecimento de que o prefeito de Sousa, André Gadelha (PMDB), posando de bom moço anunciava em entrevista coletiva o refinanciamento das dívidas dos consumidores com o Departamento de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental (Daesa), não pude deixar de lembrar-me da infância: “em casa de ferreiro, espeto de pau.” Mas, por que, pergunta o nobre leitor? 

Simples: corretamente, o prefeito sousense estimula os consumidores d´água de sua cidade a ficarem em dia com seus débitos, a partir do parcelamento dos mesmos, aumentando desta forma a arrecadação fiscal do município. Até aí tudo certo! A questão é que o Daesa, diferente do que solicita de seus consumidores, não paga e nem quer saber de refinanciar seus débitos junto à Cagepa (Companhia de Água e Esgoto da Paraíba), fornecedora do produto por ele revendido.

Em outras palavras, a Cagepa trata e entrega a água tratada para que o Daesa a forneça aos consumidores. Estes pagam o que consomem ao Daesa, mas o Daesa não paga à Cagepa. Conclusão: o Daesa deve um dinheirão à companhia de água da Paraíba, e o prefeito não está nem aí para o problema. 

Fazendo sombra com o chapéu alheio,como se diz, Andrezão, como  tratam o executivo sousense, quer receber tudo que devem à Prefeitura, mas está se lixando para as dívidas que a edilidade tem com seus fornecedores. “Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”, né mesmo excelência? 
É bom que se diga que a dívida vem de longe, desde a criação do Daesa à época da administração Salomão Gadelha, criadora daquele departamento e, há muito tempo atrás, já era de milhões de reais, agora acrescidos pelos calotes das administrações subsequentes de Fábio Tyrone (PSDB) e André Gadelha (PMDB).

Como a Cagepa é companhia do Governo do Estado, ela não corta o fornecimento do produto por determinação do Governador Ricardo Coutinho (PSB), porque estaria atingindo a população que nada tem com isso. E então ficamos na seguinte situação: a Cagepa gasta para coletar, tratar e entregar água potável ao Daesa, e deste leva calote há anos. Significa que a Paraíba paga uma conta que não é pequena e que não é sua. Pior: Sousa fez escola. Campina Grande também caloteia a Cagepa desde a primeira administração Veneziano!

S O L T A S 
*Cícero Lucena garantiu que nunca mais teve contato com o senador Cássio nem com o deputado Ruy Carneiro. É clima de vaca desconhecer bezerro dentro do PSDB/PB!

*“A traição é mancha que nunca envelhece.” (Augustin Díaz Yanes)

*As pesquisas pararam na Paraíba. Por que parou? Parou por que?

*Dilma veio, olhou e foi embora. E aí?

*Os questionamentos sobre a elegibilidade do senador Cássio são fáticos!

*Neste domingo (18), o Trem das Onze entrevista o Prefeito de Santa Helena, Emmanuel Messias. 

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

Fernando Caldeira

Fernando Caldeira

Jornalista profissional em diversas emissoras de rádio e jornais da Paraíba, atualmente é articulista do Gazeta do Alto Piranhas (Cajazeiras), produtor e apresentador do programa Trem das Onze, apresentado aos domingos pela Rádio Alto Piranhas, colunista dos portais diariodosertão, politicapb, obeabadosertao, canalnoite, e mantém na internet o portal www.fernandocaldeira.com.br

Contato: caldeira.fernando@bol.com.br