header top bar

section content

Professora de Cajazeiras melhora o desempenho dos alunos com sessões de terapia

Cícera Maciel é mestre em Ciência da Educação e tem aplicado as suas experiências acadêmicas nas escolas por onda passa

Por Jocivan Pinheiro

27/07/2016 às 15h10 • atualizado em 27/07/2016 às 19h30

Os alunos do 5º Ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Desembargador Boto, em Cajazeiras, estão melhorando seus desempenhos estudantis e seus comportamentos em sala de aula e em casa graças a um trabalho especial que já dura quatro anos.

Professora Cícera Maciel

Professora Cícera Maciel

Duas vezes por semana eles fazem terapias de equilíbrio emocional com a professora Cícera Maciel, idealizadora do projeto. Cícera é mestre em Ciência da Educação e tem aplicado as suas experiências acadêmicas nos ensinos infantil e ensino fundamental das escolas por onda passa.

Ela conta que a ideia do projeto surgiu quando percebeu que precisava de alguma estratégia pedagógica que mantivesse os alunos focados no ensino em sala de aula e não no “mundo exterior”.

“Surgiu da necessidade em que se encontravam s alunos. Eles estavam um tanto agressivos, rebeldes, e aí surgiu a necessidade de trabalhar o equilíbrio emocional dessas crianças”, explica.

Cícera afirma que as terapias têm surtido efeito no comportamento das crianças em casa e na escola e até despertado o gosto pela leitura, algo que era raro entre seus alunos.

“As atividades centradas aqui na sala eles levam também para casa, e isso é que é legal, é relevante para mim e para a escola. Com essas aulas já pude resgatar muitos deles que não gostavam de ler.”

DIÁRIO DO SERTÃO

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor