header top bar

section content

Após segunda vistoria, MP libera Perpetão de Cajazeiras; Torcida será de duas mil pessoas

O presidente do clube cajazeirense disse que o Atlético se programou para iniciar o campeonato em casa. Fotos e vídeo!

Por

06/01/2014 às 17h44

Mais uma vistoria foi realizada no estádio Perpétuo Correia Lima (Perpetão) de Cajazeiras nesta segunda-feira (06), onde foi liberado para receber os jogos do campeonato paraibano.

Após uma reunião e várias discussões foi decidido que o estádio só comportará 2 mil e 100 pessoas, sendo 10 % das vagas destinadas a torcida visitante.

A vistoria foi realizada pelo Ministério Público, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, além das presenças do superintendência da Suplan, Ricardo Barbosa, do promotor Valberto Lira e do presidente do Atlético, Júnior Quirino.

O primeiro jogo do campeonato paraibano ocorre nesse domingo (12).

Depoimentos
O promotor informou que apenas uma parte da arquibancada será liberada. “Vamos permitir que funcione minimamente”

Valberto explicou que as obras do “Perpetão” não serão paralisadas, pois terão continuidade durante o campeonato

O representante do Governo, Ricardo Barbosa disse que tudo foi realizado para que o “Perpetão” fosse liberado para os jogos.

Ele informou que no mês de abril o estádio será entregue totalmente reformado.

O presidente do clube cajazeirense disse que o Atlético se programou para iniciar o campeonato em casa.

Veja também: MP reprova estádios de Cajazeiras e Sousa e times terão que jogar em Patos.

Veja fotos na galeria. Clique e aumente a imagem!

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan