header top bar

Francisco Inácio

section content

O Brasil do desencontro

19/12/2019 às 08h58

Coluna de Francisco Inácio Pita

A democracia no Brasil é mais ou menos uma farsa do que realidade, eu entende a democracia como liberdade sem atingir a liberdade do outro, mas muitos entendem diferente esta liberdade, querem seguir uma democracia distante da realidade, até confundem a liberdade da democracia com libertinagem e acha que tudo pode. Segundo Dicio, um dos mais famosos dicionários on line, www.dicio.com.br, a democracia é: “regime que se baseia na ideia de liberdade e de soberania popular; regime em que não existem desigualdades e/ou privilégios de classes: a democracia, em oposição à ditadura, permite que os cidadãos se expressem livremente”.

A revista VEJA em sua versão on line do dia 6 dezembro de 2019, (https://veja.abril.com.br/politica/para-quase-80-dos-brasileiros-democracia-e-a-melhor-forma-de-governo/), meio comunicativo que ainda mantem uma boa da aceitação no que escreve, trouxe a seguinte postagem: “Desde a independência em 1822, a nação passou mais da metade do tempo sob regimes totalitários, considerando-se a monarquia e as ditaduras do Estado Novo de Getúlio Vargas 1937 a 1945 e militar 1964 a 1985, em que a tônica foi a repressão, a perseguição política, a censura, o esfacelamento das instituições, os assassinatos e as torturas. Os anos de chumbo pareciam enterrados com a chamada Constituição cidadã de 1988, e o retorno das eleições diretas, em 1989. Pouco mais de três décadas depois, o país se vê às voltas com esse fantasma, na forma de discursos que louvam figuras indesejáveis do passado, citações ameaçadoras de instrumentos totalitários como o abominável Ato Institucional Nº 5, o “AI-5”, ferramenta responsável pelo endurecimento da repressão nos anos 60º. Lembrando o combate furioso à imprensa e desprezo a instituições como o Congresso e o Supremo Tribunal Federal”.

A VEJA, ouviu por telefone 2.000 eleitores de 26 estados e do Distrito Federal entre 29 de novembro e 2 de dezembro. “Quase 80% dos entrevistados acreditam que a democracia é sempre, ou na maior parte das vezes, o melhor sistema de governo. Apenas 10% apontaram a ditadura como uma alternativa ideal. O mesmo levantamento, também trouxe um alerta: 40% dos consultados acham que é média, grande ou muito grande a possibilidade do Brasil virar novamente uma ditadura. Outros 28% acreditam que essa possibilidade é pequena e só 26% estão razoavelmente tranquilos nesse aspecto. Em resumo, embora a população continue professando a fé na democracia, uma fração considerável dela enxerga o risco de nuvens negras no horizonte”.

Após estas explanações da VEJA, eu quero fazer algumas indagações: como podemos viver em um país onde o trabalhador paga imposto exageradamente para sustentar as mordomias do Congresso Nacional, Câmara dos Deputados, o Poder Judiciário, e outras esferas governamentais. A maior preocupação dos nossos representantes atualmente é aprovar o fundo partidário, direcionando dinheiro para custear as eleições e talvez comprar a consciência dos eleitores necessitados e desorientados. Em nosso país falta muito, e só falta por que a maioria dos senhores administradores e legisladores ficam com maior fatia do dinheiro dos impostos e contribuições pagas pelos brasileiros, o pior, em muitos casos na forma da lei, por que eles criaram leis até para se beneficiar com o nosso dinheiro, uma dessas leis absurda é o famoso fundo partidário.

Em nosso país falta assistência na saúde, educação, agricultura, agronegócio e segurança publica. O País que tem um grande número de desempregados e o governo não consegue ou não tem interesse de encontrar uma forma de gerar emprego e renda, não procura combater a criminalidade e as ondas de assaltos. Que país é esse? O povo é sempre enganado nas campanhas políticas, a maioria dos concorrentes apresentam propostas no período eleitoral, mostram ao povo projetos excelentes, dar pra se notar que eles têm capacidade de governar bem, mas quando assume poder a grande maioria faz diferente, esquece o povo e procurar se beneficiar com o dinheiro público.

Outro fato interessante, este ponto já é culpa dos eleitores quando isso acontece, boa parte dos administradores que já governaram são denunciados por desvios de verbas públicas e são reeleitos pelo povo na próxima eleição. O Brasil precisa tomar um rumo, que fatos dessa natureza não se repitam, mas quando é que isso vai acontecer? Da forma que está vai será muito difícil.

Francisco Inácio

Francisco Inácio

Francisco Inácio de Lima Pita é Radialista e Professor Licenciado em Ciências e Biologia pela UFPB e UFCG respectivamente. Atualmente é professor aposentado por tempo de serviço em sala de aula, escritor dos livros CONCEITOS E SUGESTÕES PARA VIVER BEM O MATRIMÔNIO, AS DROGAS E A RETA FINAL DA VIDA E VARIAÇÕES POÉTICAS e tem outros livros em andamentos, mora atualmente na cidade de São José de Piranhas – PB. Produz e apresenta todos os sábados o Jornal Terra News pela Rádio Terra Nova FM, 88.7 MHz. E-mail: pittadoradio@gmail.com

Contato: pita.sjp@ig.com.br

EFEITOS DO CORONAVÍRUS

VÍDEO: Coach dá dicas de produtividade na epidemia e alerta para a situação das pessoas de baixa renda

NO CEARÁ

VÍDEO: Lavras da Mangabeira monitora 17 casos suspeitos de Covid-19; advogado fala das ações da saúde

AJUDA

VÍDEO: Empresa do Vale do Piancó cria protetor facial para profissionais que combatem o coronavírus

LÍDER GERAL

VÍDEO: Marina Duarte esclarece se o Atlético será campeão paraibano antecipado por causa da epidemia

Francisco Inácio

Francisco Inácio

Francisco Inácio de Lima Pita é Radialista e Professor Licenciado em Ciências e Biologia pela UFPB e UFCG respectivamente. Atualmente é professor aposentado por tempo de serviço em sala de aula, escritor dos livros CONCEITOS E SUGESTÕES PARA VIVER BEM O MATRIMÔNIO, AS DROGAS E A RETA FINAL DA VIDA E VARIAÇÕES POÉTICAS e tem outros livros em andamentos, mora atualmente na cidade de São José de Piranhas – PB. Produz e apresenta todos os sábados o Jornal Terra News pela Rádio Terra Nova FM, 88.7 MHz. E-mail: pittadoradio@gmail.com

Contato: pita.sjp@ig.com.br

Recomendado pelo Google:
Conteúdo Protegido!