header top bar

Reudesman Lopes

section content

Será que me precipitei?

22/02/2019 às 10h50

Coluna de Reudesman Lopes

Sábado dia 16, pude assistir, com olhar mais aguçado, o jogo Atlético 0 Serrano 0. Após o apito final fiz uma pergunta: “Será que me precipitei?”. Explico, a precipitação aqui colocada é com respeito aos elogios que fiz do jogo, Atlético 2 Treze 0. Não é possível que uma equipe que realizou jogos tão elogiados, seja neutralizada pelo Serrano e, para piorar, em Cajazeiras. Meus amigos, nós que fomos ao Colosso das Capoeiras, sofremos, e sofremos muito. Vou fazer, neste espaço a minha leitura desta partida, Atlético 0 Serrano 0, vestindo a camisa do analista, do comentarista. Começo dizendo que, aqui mesmo nesta coluna, em sua edição passada, fiz uma alerta para o perigo deste jogo acreditando que o clima do “já ganhou” pudesse, como de fato aconteceu, nos levar a um ridículo resultado que foi a perda de dois preciosos pontos e, como consequência deixar escapar a liderança do grupo, para reafirmar tudo o que apregoamos estão ai os resultados desta sexta rodada para comprovação da nossa fala. O Atlético foi um time com um amontoado de jogadores, correndo de um lado para outro do campo de jogo sem nenhuma organização, sem jogada trabalhada, nada, nada, nada. Muitas coisas erradas, infelizmente não consertadas durante o jogo e principalmente no intervalo. Pecamos nas finalizações, isso é verdade, fizemos o nome do jogo, o goleiro do Serrano, também é verdade, mas, é verdade também que, novamente, o nosso 10, Marcinho, se escondeu do jogo, logo ele, o homem que deve ser o armador e a cabeça pensante do time. Pois bem, como o nosso cérebro estava escondido do jogo a responsabilidade passou a ser de Mendes, entretanto, sozinho e rodando em demasia a bola aos seus pés ele pouco produziu. O que me chamou atenção mesmo foi a péssima atuação do jogador Ferreira, ele foi outro que se escondeu do jogo, acho até que os dias em que ficou parado no DM tenha sido a causa de sua pior atuação vestindo a camisa do Mais Querido do Sertão, jogador aguerrido, neste jogo ele esteve muito longe daquele que vem sendo o mais importante do Trovão. Tem mais, para fechar, jamais pode Romerito ser o articulador das jogadas de criação, tentou fazer, não tem essa competência. Agora, depois de uma oportunidade de ouro que desperdiçamos em casa, cabe a Ederson corrigir os inúmeros erros do seu time e, como principal, tentar acabar com a “praga” do individualismo que decerto, se não tiver o pulso forte do treinador, vai matar, com certeza, as nossas chances de chegarmos a mais uma semifinal de um campeonato paraibano.

Tradição

O Sousa Esporte Clube começou, como sempre, muito mal o campeonato paraibano e foram vários os comentários dando-lhe já como rebaixado. Mas, como isso vem sendo tradição no Dino, logo Aldeone tratou de resolver e, como das vezes anteriores, demitiu o treinador. Resultado, com a chegada de Roberto Carlos e a atitude do presidente o Sousa, saiu de minguados 2 pontos para 12 pontos e com 3 vitórias seguidas, esses resultados já o coloca como um dos virtuais candidatos as semifinais do paraibano. Tradição confirmada.

Um galo que dá pena

O glorioso Treze Futebol Clube de Campina Grande vai seguindo a sua péssima sina neste campeonato paraibano. Desta feita, foi derrotado pelo Esporte de Patos, 1 a 0 em Patos e vê o fantasma do rebaixamento lhe bater na porta. Como não deveria deixar de ser, a torcida do Galo já perdeu a paciência e no domingo em Patos, invadiu os vestuários do time e se não fosse a intervenção da Polícia Militar o clima havia azedado. Penúltimo colocado com 6 pontos, vê o Serrano com 5 pontos se aproximando. Para quem cantou o favoritismo do campeonato, a coisa tá mais que preta.

BOLA DENTRO

Para a torcida vascaína em Cajazeiras pela conquista do titulo de campeão da Taça Guanabara do campeonato carioca. Na segunda feira só se via camisa do Vasco pelas ruas desta cidade. Parabéns aos vascaínos. NOTA 10!

BOLA FORA

Para a decepção que o Atlético proporcionou ao seu fiel torcedor empatando em casa com o fraco Serrano. Jogo Horrível. Já havia dito aqui que jogo só se ganha após o apito final do árbitro. NOTA 0!

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Professor da UFCG de Educação Física, Comentarista Esportivo da Rádio Alto Piranhas e Colunista Esportivo do Jornal Gazeta do Alto Piranhas

Contato: reudesman@bol.com.br

Recomendado para você pelo google

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Ex-ministro da Justiça afirma que Lula é inocente e defende anulação da sentença pelo STF

VÍDEO

Delegada da Mulher de Patos declara que aumento de feminicídios na região chama atenção pela crueldade

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

VÍDEO: Comitê Pró-HU do Sertão volta de Brasília otimista com possível aumento de recursos para a obra

123 DIAS

VÍDEO: Dra. Paula pede licença na Assembleia para cuidar da saúde; ela passará por duas cirurgias

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Professor da UFCG de Educação Física, Comentarista Esportivo da Rádio Alto Piranhas e Colunista Esportivo do Jornal Gazeta do Alto Piranhas

Contato: reudesman@bol.com.br