header top bar

section content

Tribunal de Justiça do Estado nega pedido de liminar do prefeito de Monte Horebe

O TJ negou, nesta segunda-feira, uma liminar para que o prefeito de Monte Horebe, Erivan Guarita, pudesse responder às acusações de crime de responsabilidade fiscal em liberdade.

Por

19/02/2008 às 08h17

align=leftO Tribunal de Justiça do Estado negou, na tarde desta segunda-feira, 18, uma liminar para que o prefeito de Monte Horebe, Erivan Dias Guarita (DEM), pudesse responder às acusações de crime de responsabilidade fiscal em liberdade.

A informação foi repassada por Paulo Sabino, advogado do prefeito, que ainda aguarda o julgamento em mérito do habeas corpus para que Erivan responda as acusações em liberdade.

O prefeito foi preso na última sexta-feira (15) no município de Bonito de Santa Fé, no Sertão do Estado. Na ocasião, o motorista dele, Francisco Pessoa de Moura, também foi preso por porte ilegal de arma. Os dois estão detidos no 6º Batalhão de Polícia Militar, em Cajazeiras.

A prisão se deu mediante mandado de prisão expedido pelo Tribunal de Justiça da Paraíba/Câmara Criminal, após notícia-crime impetrada pelos vereadores Marcos Eron (PMDB) e Agamenon Júnior (PSDB).

Fonte: Portal Correio

Tags:
OS CIRENEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança reflete sobre imunização espiritual e como lidar com adversários

'MENSAGEM DE FÉ'

VÍDEO: Padre apresenta programa especial na TV sobre a tradicional Festa de Dom Bosco em Cajazeiras

'OPINIÃO DO CIDADÃO'

VÍDEO: Em Cajazeiras, presidente da OAB-PB diz ser contra posse de arma: “Índices de mortes aumentam”

PROPRIEDADES EMBARGADAS

VÍDEO: Impedidos de plantar, agricultores de Cajazeiras acusam IBAMA de excessos na aplicação de multas