header top bar

section content

Tribunal de Justiça do Estado nega pedido de liminar do prefeito de Monte Horebe

O TJ negou, nesta segunda-feira, uma liminar para que o prefeito de Monte Horebe, Erivan Guarita, pudesse responder às acusações de crime de responsabilidade fiscal em liberdade.

Por

19/02/2008 às 08h17

align=leftO Tribunal de Justiça do Estado negou, na tarde desta segunda-feira, 18, uma liminar para que o prefeito de Monte Horebe, Erivan Dias Guarita (DEM), pudesse responder às acusações de crime de responsabilidade fiscal em liberdade.

A informação foi repassada por Paulo Sabino, advogado do prefeito, que ainda aguarda o julgamento em mérito do habeas corpus para que Erivan responda as acusações em liberdade.

O prefeito foi preso na última sexta-feira (15) no município de Bonito de Santa Fé, no Sertão do Estado. Na ocasião, o motorista dele, Francisco Pessoa de Moura, também foi preso por porte ilegal de arma. Os dois estão detidos no 6º Batalhão de Polícia Militar, em Cajazeiras.

A prisão se deu mediante mandado de prisão expedido pelo Tribunal de Justiça da Paraíba/Câmara Criminal, após notícia-crime impetrada pelos vereadores Marcos Eron (PMDB) e Agamenon Júnior (PSDB).

Fonte: Portal Correio

Tags:

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Efraim Filho revela motivos que poderão levar deputado ligado a Sousa sair do DEM; “Terá que sair”

MORTO A TIROS

VÍDEO: Delegado revela detalhes do crime que resultou na morte de jovem no Sertão da Paraíba

VISITA DO PRESIDENTE

VÍDEO: Prefeito de Campina Grande solicita a Bolsonaro duplicação da BR-230 de Campina ao sertão da PB

DESTAQUE NACIONAL

VÍDEO: Juizado Especial Misto de Cajazeiras atinge um dos melhores índices de atendimento do Brasil