header top bar

section content

Orgia vira caso de polícia em Sousa; adolescente estava no meio da confusão

A doméstica Helioneide Lima dos Santos foi presa em flagrante na madrugada desta quarta-feira (16) quando tentava roubar o aparelho celular do taxista Roberval Bezerra, em um quarto de motel.

Por

16/01/2008 às 14h51

A doméstica Helioneide Lima dos Santos, de 23 anos, foi presa em flagrante na madrugada desta quarta-feira (16), após ter furtado o aparelho celular do taxista Roberval Bezerra, que havia feito uma corrida levando ela e mais cinco amigos até um motel na cidade de Sousa.

O detalhe é que Helioneide e seus amigos pretendiam realizar um ‘bacanal’ no motel. Porém, os participantes da festinha não esperavam que o taxista tivesse percebido que o celular não estava mais no seu carro. Roberval acionou então a polícia, que de imediato foi ao encontro da suspeita.

Quando a polícia chegou no quarto, Helioneide tentou esconder o aparelho embaixo do colchão, mas logo foi percebida em seu movimento, e presa. Para piorar a situação do grupo, uma das pessoas presentes no quarto era menor de idade. Por conta disso, a polícia vai investigar o caso podendo prender todos por exploração sexual infantil. A pena para este crime varia de 4 a 10 anos de prisão. Todos os participantes da orgia foram levados para a Delegacia de Polícia local, onde foram tomadas as providências cabíveis. 

Da redação do DIÁRIO DO SERTÃO com Portal Correio

Tags:
SORTEIO DE R$ 100,00

VÍDEO: “O que o Brasil mais precisa?” agitou o Pix Diário do programa Olho Vivo; veja as respostas

CULTURA NORDESTINA

VÍDEO: Comerciantes de fogos juninos se adaptam para manter tradição em barraquinhas da cidade de Sousa

TRADIÇÃO DA ÉPOCA

VÍDEO: Comerciantes de produtos juninos avaliam vendas em Cajazeiras e temem mudança para outro local

REAÇÃO

VÍDEO: Governador diz que lei sancionada por Bolsonaro é ‘absurdo’ e não reduz preços dos combustíveis

Recomendado pelo Google: