header top bar

section content

Jovem morta ferida com taça após jogo do Brasil fez post com ‘premonição’ nas redes sociais

Tamara Maiochi morreu depois de se desequilibrar e se machucar no pescoço com estilhaços de uma taça de vinho

Por Notícias ao Minuto

30/06/2018 às 07h59 • atualizado em 29/06/2018 às 16h04

Vítima não resistiu aos ferimentos (Foto: Reprodução/Facebook)

Há dois meses, a contadora Tamara Maiochi, 30 anos, que morreu após se ferir com uma taça quebrada enquanto comemorava a vitória do Brasil no jogo contra a Sérvia, em Itatiba (SP), na quarta-feira (27), fez uma postagem nas redes sociais que falava sobre como algumas experiências na vida podem servir de exemplo para outras pessoas.

“Sem expor, mas alertar. Nunca achamos que vai acontecer conosco. Mas acontece… O acidente. A quase morte. O estresse pós-traumático e todas as sequelas emocionais. Com sorte, sem sequelas físicas”, dizia o post da jovem, que chegou a ser socorrida por amigos, mas não resistiu aos ferimentos.

+ Mulher morre ferida com taça durante comemoração após jogo do Brasil

Quando a morte de Tamara foi noticiada, amigos, familiares e internautas escreveram mensagens para a jovem no Facebook. “Que fatalidade. Ela está sentada ao lado de DEUS. Meus sinceros sentimentos à família”, disse uma pessoa. Outra comentou que Tamara previu o que aconteceria. “É como se ela estivesse prevendo o que iria acontecer… Meus pêsames aos familiares”, lamentou.

Fonte: Notícias ao Minuto - https://www.noticiasaominuto.com.br/brasil/615104/jovem-morta-com-taca-apos-jogo-do-brasil-fez-post-com-premonicao

Recomendado para você pelo google

MAIS EDUCAÇÃO

VÍDEO: No 2º dia da Mostra de Conhecimentos do N. S. do Carmo, alunos se destacam em temáticas diversas

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: No Mês da Black Friday, concessionária Brazauto oferece preços e formas de pagamento especiais

VÍDEO

Vereador lamenta falta de doação ao Hospital Laureano e acusa prefeito de Pombal: “Virou as costas”

TROVÃO NO BRASILEIRÃO

VÍDEO: Prefeito se compromete a patrocinar o Atlético de Cajazeiras com R$ 20 mil mensais em 2020