header top bar

section content

Sind. dos Comerciários propõe salário de R$ 475,00

O Sindicato dos Comerciários de Cajazeiras continua a sua luta para aumentar o piso do salário comercial junto à classe patronal da cidade. Em maio deste ano, o sindicato realizou uma assembléia onde foi definido o valor do salário comercial que será proposto aos comerciantes cajazeirenses. Segundo Siloca, presidente do sindicato, R$ 475,00 é uma […]

Por

27/06/2008 às 10h41

O Sindicato dos Comerciários de Cajazeiras continua a sua luta para aumentar o piso do salário comercial junto à classe patronal da cidade. Em maio deste ano, o sindicato realizou uma assembléia onde foi definido o valor do salário comercial que será proposto aos comerciantes cajazeirenses. Segundo Siloca, presidente do sindicato, R$ 475,00 é uma valor bastante aceitável. Para ele, o salário comercial tem sido abatido bem mais que o próprio mínimo, e precisa de reajustes.

“Nós, como sindicalistas, entendemos que temos tido muita perda no nosso salário. O salário mínimo Lula tem recuperado um pouco. Mas o nosso salário, do comercio, é que está um pouco abatido. Mas estamos tentando recuperar, e espero que a classe patronal tenha o bom-senso de estudar nossas propostas.”

Metas
Outras metas do Sindicato dos Comerciários de Cajazeiras é diminuir o número de demissões sem uma real justa-causa, o que, segundo Siloca, ainda acontece bastante em Cajazeiras, o cumprimento de apenas 40 horas mensais de trabalho e, consequentemente, a diminuição da carga tributária das empresas. Para isso, revela Siloca, todos os sindicatos trabalhistas do país farão um protesto em frente ao congresso nacional em Brasília.

“Alguns países do mundo trabalham apenas 30 ou 32 horas. O Brasil é o país que tem a maior carga-horária de trabalho do mundo, com 44 horas. Então, nós das forças sindicais a nível nacional, estamos fazendo uma marcha ater Brasília, onde vamos brigar por isso, já que quem está no poder hoje é um presidente trabalhista, que já fez greve em porta de fábrica, já foi preso, já apanhou. Então vamos aproveitar esse segundo mandato de Lula para tentar derrubar essas 44 horas.”, afirmou Siloca.

Da redação do Diário do Sertão

Tags:

Recomendado para você pelo google

POLÊMICA

VÍDEO: Vereador cobra a convocação do concurso de Cajazeiras: ‘Era de urgência e o prefeito não convoca’

VÍDEO

Deputado cajazeirense abre o jogo e revela com quem fica após o racha no PSB da Paraíba

EDUCAÇÃO

VÍDEO: Xeque Mate fala sobre tradicional colégio de Cajazeiras e recebe diretora, professoras e alunas

ALUNOS DÃO SHOW

VÍDEO: 3º dia da Mostra de Conhecimentos destaca a natureza, tecnologias, leitura, teatro e matemática