header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Estudantes denunciam Governo por falta de pagamento a transporte escolar

Os alunos matriculados na rede estadual de ensino do município de Cajazeiras podem ficar prejudicados devido a uma possível paralisação no sistema de transporte escolar, há quatro meses atrasados.

Por

27/05/2008 às 11h29

Os alunos matriculados na rede estadual de ensino do município de Cajazeiras, podem ficar prejudicados devido a uma possível paralisação no sistema de transporte escolar que atende a estudantes das localidades rurais que estudam na cidade, e por falta de pagamento os proprietários dos transportes podem paralisar suas atividades a qualquer momento.

O problema é que o Governo do Estado, via Secretaria Estadual da Educação e Cultura, responsável pela manutenção do transporte escolar da rede estadual de ensino, deixou de efetuar o pagamento aos proprietários dos veículos já há cerca de quatro meses, e com isso motoristas estão acumulando várias dívidas juntos aos postos de combustíveis e oficinas da cidade.

Se realmente os proprietários dos veículos paralisarem, cerca de 1.500 alunos residentes nas mais de 25 localidades rurais, mas que são matriculados nas escolas da rede estadual de ensino.
A maioria dos estudantes que moram na zona rural é formada por alunos originários de famílias humildes de agricultores. Diariamente, eles precisam se deslocar de suas localidades até a cidade para assistir aulas. Caso não seja resolvido o grave problema até a próxima sexta-feira(30) alguns motoristas já anunciaram que vão paralisar os serviços.

A paralisação dos transportes poderá prejudicar o funcionamento das aulas da rede estadual de ensino, além de gerar prejuízo para os alunos da zona rural, atingirá também os da zona urbana, pois sem a presença dos mais de 1.500 alunos da zona rural as salas de aulas ficaram praticamente vazias e os professores terminaram também optando por uma paralisação, por não terem a quem ensinar.

O problema do impasse no pagamento dos transportes escolar de Cajazeiras já chegou ao conhecimento do Poder Legislativo da cidade, e o vereador Marcos Barros, junto ao Deputado José Aldemir já estão buscando uma solução para o caso e prometem solucionar a problemática.

JOSELITO FEITOSA
DA REDAÇÃO DO DIARIO DO SERTÃO

Tags:
HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local

EX-ALIADO

VÍDEO: Vereador revela que defender professores foi a ‘bomba’ que iniciou rompimento com José Aldemir