header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

São Bentinho, Pombal e Paulista já registraram quase 200 casos de dengue

No município de São Bentinho, o número de casos chega a 169, desde o início do ano. Embora não tenha sido registrado nenhum caso de dengue hemorrágica

Por

10/04/2008 às 23h50

O jornal da Paraíba, edição desta quinta-feira (10) publicou matéria que trazia números sobre os casos de dengue, registrados no Sertão da Paraíba, com base em dados divulgados pela 10ª Gerência Regional de Saúde, sediada em Sousa, onde aponta cidades da região de Pombal com vários casos já constatados.

SÃO BENTINHO:
No município de São Bentinho, o número de casos chega a 169, desde o início do ano. Embora não tenha sido registrado nenhum caso de dengue hemorrágica, dos 15 municípios que compõem a 10ª Gerência Regional de Saúde, esse é um dos que mais enfrentam dificuldades, com a constatação de larvas do mosquito em cerca de 6% das residências da cidade.

Além de São Bentinho, outros municípios vêm contabilizando casos de dengue clássica: Nazarezinho (20), Pombal (19), Paulista (5), Marizópolis (2), Lastro (3) e São José da Lagoa Tapada (4).

Em contrapartida, nenhuma suspeita da doença foi confirmada pela gerência nas cidades de Aparecida, Cajazeirinhas, Lagoa, Santa Cruz, São Domingos de Pombal, Vieirópolis e São Francisco.

NOVOS CASOS DE HEMORRÁGICA:
Quatro novos casos de suspeita de dengue hemorrágica foram encaminhados ao Hospital Universitário Lauro Wanderley (HU) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em João Pessoa.

Até esta quarta-feira (09), os quatro pacientes – entre eles uma criança – vindos de cidades do interior do Estado, continuavam internados apresentando sintomas da doença.

O Boletim de Vigilância Epidemiológica do HU divulgado ontem revelou que do dia 1º de janeiro até 9 de abril 115 casos com suspeita de dengue deram entrada na instituição. Desse total, 92 casos foram confirmados, sendo 11 deles com febre hemorrágica.

SERTÃO:
No Hospital Infantil Noaldo Leite, de Patos, há outra suspeita de dengue com febre hemorrágica. A criança, natural de Condado, deu entrada na UTI esta semana e ainda aguarda o resultado do exame.

No Vale do Piancó, já foram identificados mais de 250 casos suspeitos de dengue clássica registrados pela 7ª Região de Saúde, desde janeiro.

As cidades com maior índice são Coremas, com 84 suspeitas, São José de Caiana, com 61, e Piancó, com 50 casos.

Nesta última, do total de cinqüenta suspeitas registradas, já foram confirmados dois casos de dengue hemorrágica. No Hospital Regional de Piancó, quase não há mais leitos.

Cajazeiras, que lidera o ranking de casos da doença, já acumula 50 casos de suspeita de dengue hemorrágica este ano. Em relação à dengue clássica, o número de infectados já chega a 371, seguido por São Bento, com 308 casos.

FONTE: Jornal da Paraíba

Tags:
PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”

A ARTE DO CORPO

VÍDEO: Bailarino que dá aula de dança em Cajazeiras fala da sua trajetória e de projetos para a cidade

MÚSICA AO VIVO

VÍDEO: Sucesso no Nordeste, cantor interpreta grandes bandas nacionais e internacionais no Xeque-Mate