header top bar

section content

Ponte que liga Santa Cruz e São Francisco á Aparecida continua sem solução

Aproximadamente mil pessoas passam diariamente pela Ponte do Boi Morto, na BR que liga o município de Aparecida aos municípios de São Francisco e Santa Cruz. E o sacrifício para transportar pessoas

Por

09/04/2008 às 19h13

src=https://www.diariodosertao.com.br/artigos/sendtmp/20080404032447/destaque/ponte_santa_cruz.jpgAproximadamente mil pessoas passam diariamente pela Ponte do Boi Morto, na BR que liga o município de Aparecida aos municípios de São Francisco e Santa Cruz. E o sacrifício para transportar pessoas enfermas para serem atendidas em Sousa é penoso.

Os veículos que vêm de Santa Cruz e São Francisco precisam percorrer uma distância de 135km para chegar à cidade sorriso. Veículos como motos, por sua vez, são atravessados em canoas de agricultores que aproveitam a situação para ganhar dinheiro cobrando R$ 5 reais por cada serviço de travessia.

Segundo cálculos do DER – Departamento de Estradas e Rodagens da Paraíba, para reconstruir a ponte, custa algo em torno de R$ 1 milhão de reais, levando em consideração que para cada metro da ponte seria gasto algo em torno de R$ 20 mil reais.

O prefeito de Aparecida, Julio César, afirmou que a ponte caiu porque nunca houve manutenção por parte da prefeitura de Sousa e do DER do Estado, desde que ela foi construída no longínquo ano de 1967.

Da redação do Diário do Sertão
Com informações de Pereira Junior do Folha do Sertão

Tags:

Recomendado para você pelo google

LIBERA OU NÃO?

VÍDEO: Atlético de Cajazeiras aguarda laudo dos bombeiros e liberação do estádio para o Paraibano 2020

CULTURA

VÍDEO: memorialista que tem 84 exposições de Luiz Gonzaga fala da história do “Rei do Baião”

CADÊ A LUZ?

VÍDEO: morador denuncia escuridão em rua de Cajazeiras e secretário da prefeitura diz que vai resolver

NOVAS OBRAS

VÍDEO: Governador diz que pretende iniciar em 2021 a construção de importante estrada no Vale do Piancó